NA WEB
    Google+

    O CAUSO DE UM INFILTRADO

    Por em outubro 24, 2013

    POR BRUNO CAZONATTI (@CAZONATTI)


    Chororô5Um baile, um show, um esculacho! O Flamengo enxotou o Buátafogo – com chutes e pontapés bem dados no lombo da cachorrada – da Copa do Brasil. Foi emocionante, espetacular e inesquecível… para quem estava em seus devidos lugares. O que não foi o meu caso, já que por conta das circunstâncias do destino, tive que acompanhar o massacre do meu time em meio aos lacrimejantes torcedores do buát4fogo.

    Sim, sou sócio torcedor, tenho aquelas “mega vantagens” do Programa, comprei meu ingresso antecipado, mas… tive que repassá-lo. Meu primo veio de Floripa com um amigo para aproveitar uma semana de folga aqui no Rio de Janeiro e, claro, quis conhecer o novo Maracanã. Portanto, como não havia mais ingresso para o nosso lado, tive que encarar esta experiência medonha.

    ChororôNunca havia ido a jogo sem Manto. Me senti nu. Tive que aturar um monte de cântico ridículo dos chorões e, pasmem, além de -noooooossa! – Sidney Magal, ele têm uma música para talvez-único-e-nem-tanto-ídolo-assim, Túlio Maravilha. Uma piada! E lá do outro lado, gigante e poderosa, botando pra tremer, a Nação linda… jamais tinha nos visto assim de frente. Agora eu entendo o temor da arcoirizada.

    Tive que me segurar para não balbuciar nossas canções, hinos e provocações. Me controlei a cada gol do Brocador e nem pude cantar parabéns para o Léo.  Mas, me diverti ouvindo as lamentações de “é sempre assim”, “como é que a gente sempre perde pra esses merdas”, “não sei como eu ainda venho apoiar essa bosta”, “meu Deus, todo ano é esse inferno” e demais quetais e mimimis de quem é, e sempre será, minúsculo.

    Do lado de lá, uma Nação, como sempre, presente e empurrando o time. Do lado de cá onde eu estava, também estava cheio. De lugar vazio!

    Do lado de lá, uma Nação, como sempre, presente e empurrando o time.
    Do lado de cá onde eu estava, também estava cheio. De lugar vazio!

    Bom, hoje foi uma coluna atípica de quem viveu fortes emoções, calado. Não deu para fazer análise e nem suposições, porque eu vi um outro Flamengo em campo. Um Flamengo que acuou, humilhou e fez prevalecer a sua superioridade. Vi um Flamengo gigante, com uma Nação empurrando e jogando junto o tempo todo. Um Flamengo capaz de calar aos críticos, aos “especialistas” da mídia e aos fanfarrões de redes sociais. Um Flamengo que tem tudo para nos surpreender e fazer 2013 valer a pena.

    Eu tenho pena de quem não é Flamengo.

    Anexo de E-mail

     

    © FalandoFla © 2013

    Falando de Flamengo no Twitter
    Falando de Flamengo no Instagram
    Falando de Flamengo no YouTube
    Falando de Flamengo no Livestream

    0 Comments

    1. Jorge Antonio Coutinho Ferreira - 64

      24 de outubro de 2013 at 10:10

      É meu caro, deve ter sido uma experiencia horrivel. Mas, valeu a pena. Não posso desejar isso, mas no proximo FlaxFlu, faça a mesma coisa, ou seja, vá para a torcida adversaria para ver se nós goleamos de novo, certo? kkkkkkkkkkkkk . QUE BOM SE AS ATUAÇÕES DO NOSSO ELENCO SE REPETISSEM NOS PROXIMOS JOGOS, HEM? Ontem, ‘lavei a alma’. VAMÔ QUE VAMÔ, MEU MENGOOOOLLLLLLL.

    2. Claudio Nogueira

      24 de outubro de 2013 at 10:18

      Um relato verdadeiro de uma pessoa que fez o impossivel “FICAR NA TORCIDA DA CACHORRADA!!!!!!!” espero q após dessa ingrata missão vc tomou um belo banho de descarrego para retirar essa sujeira canina, esse ó vida ó azar desses funcionarios da fabrica eterna de mimimis e de lagrimas. Que maravilha o verdadeiro e implacavel MENGÃO deu uma bicuda na cachorrada!!!!!!!! mas uma pergunta ainda me incomoda e por favor se alguem tem a resposta desse enigma me responda: ” O QUE FAZ AINDA ESSE CARLOS EDUDARDO AINDA NO TIME TITULAR?????????!!!!!!!!!!!!!!!!!!!” TAKISPARIU!!!!!!!!!! VAI SE FU……….!!!!!!!!!! ESSE CARA AINDA VAI ME CAUSAR UM AVC, BARALHO!!!!!!!!!!!!!!!!

    3. VARNEYJOSE

      24 de outubro de 2013 at 12:14

      O poder paralisante da MAGNÉTICA se fez sentir ontem, com toda sua força !!
      Os mais de 50mil rubronegros que desfrutaram o privilégio de participar do “baile” que o FLAMENGO ofereceu no NEWMARACA, testemunharam a magia que transforma em “craks” jogadores de nível comum, e paralisa atletas consagrados que restam basbaques ante o amor furioso da torcida…
      Parabens MAGNÉTICA !!! É MUITO BOM SER FLAMENGO !!!

      SdçsRN

    4. ivani

      25 de outubro de 2013 at 08:27

      olá, Bruno. não desejo a ninguém o que vc passou, nem acredito, como eles, em superstição, senão recomendaria a vc trocar de lado nos jogos do Mengão… mas ficou bem mais confortável depois que eles foram embora, no segundo tempo!

    5. Allan

      28 de outubro de 2013 at 09:12

      Quantas carteiras você abateu?

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.