A FANTÁSTICA FÁBRICA DE FELICIDADE


Barra de Chocolate Wonka na mão… Vamos abrindo com cuidado pra não rasgar… Muito cuidado… Iaaaaaaaahhhhhhh!!!!! Fui premiado!!!!!! Estarei no pequeno punhado de rubro-negros cariocas presentes na Batalha da Vila Capanema na noite de hoje.

Não bastasse essa felicidade, todos os meus amigos da Fla Mochila também conseguiram garantir seu Ticket Dourado que dá acesso ao primeiro jogo da Final da Copa do Brasil.

Angústia, Sofrimento, Medo, Tensão.

Essa foi a semana da Fla Mochila logo após o jogo contra o Goiás. O medo de não estar lá. E duvido muito que em algum momento do primeiro jogo eu possa sentir sensação mais angustiante que as usufruídas com fartura na tal maldita semana.

Tive febre. Tive sim. Sem floreios lingüísticos. Literal. Queimava e teimava em não querer tomar os coquetéis farmacêuticos gentilmente oferecidos por minha amada Juliana. Eu sabia a causa. E sabia que não haveria de ser remédio que ia melhorar o troço. Só o ingresso garantido aplacaria aquele mal. Dito e feito. Foi só a mensagem de número 758.369 no WhatsApp da Fla Mochila alardear “INGRESSOS GARANTIDOS” que a febre se foi. Como veículo, não há como negar, uma torrente feliz de lágrimas levou pra longe a “doença” que me atormentava.

Dessa vez não foi nada fácil. Surtamos todos nós. A imensidão da Nação e as reduzidas dimensões da Vila Capanema, já conhecida por nós de outras oportunidades, jogava na nossa cara que sim, guerreiros, dessa vez as probabilidades são muito contrárias. De nada adianta espernear dizendo que vai a tudo quanto é jogo, que não falta um sequer no Estadual, pode-ser-e-é-muito-provável que vocês fiquem fora.

Bastou ouvir falar que talvez rolasse venda para sócio-torcedor que o pânico aumentou. Todos nós somos ST…  Mas nossos planos não eram o “Mais Paixão”, logo não ia dar… Logo… Tratamos de resolver o problema. Fizemos um dos mais caros, com todos os dependentes que tínhamos direito, e bem com a cara da nossa caótica organização. Aos berros virtuais pelo WhatsApp. Todos falando ao mesmo tempo em um desencontro nervoso de números, cpfs, senhas de cartão de crédito, código de segurança, e-mails, tudo. Nada mais era privado. Até hoje a gente não sabe direito quem deve o que pra quem.

Ingressos garantidos.

E não é porque é a Final. É que realmente gostamos de estar por perto quando o Manto entra em campo. Prova disso é que em meio a todo tumulto reinante, as pequenas providências que nos levaram ao jogo na bela Arena do Grêmio foram tomadas. Não bastasse isso, em algum momento de todo aquele pesadelo, o Júlio começou a contar pra gente que a Tabela do Estadual 2014 tinha saído (!!!???) e que nosso primeiro jogo é contra o Audax (!!!???). Nada mais anticlímax.

Tem gente que acha que é da boca pra fora, mas não é MESMO. Claro que adoramos Finais e Gritos de “É Campeão!!”, mas lá no fundo do meu peito bate um orgulho perverso. SEMPRE que estou no meio da Nação comemorando um título me vem um pensamento: “Como é bom saber que quando as coisas não estiverem assim tão positivas, animadas e abarrotadas, eu tenho plena consciência de que estarei aqui. E aplaudindo ao fim do jogo exatamente da mesma maneira”.

CURTAS

ARENA DO GRÊMIO. Além de linda a nova casa do Grêmio, fomos muito bem tratados e orientados pelos funcionários do clube desde a compra dos ingressos na parte da manhã. Isso sim deveria ser o Padrão FIFA. Gauchada de parabéns.

TÉDIO. Por conta dos preços das passagens bem puxados no domingo, cheguei ainda no sábado em Porto Alegre. Nunca vi 30 horas demorarem tanto pra passar. Uma das viagens mais entediantes que já fiz. E olha que sou velho nisso.

TWITTER. Já em Curitiba desde as primeiras horas da quarta, enquanto o 3G permitir, passarei o clima que antecede a decisão lá pelo twitter, aonde me chamo @sorinmercio. Bem… Não esperem muito bom gosto e opiniões embasadas e racionais.

VIDA DURA. Cheguei de Porto Alegre em casa 3 da manhã. Cinco da manhã levantei pra trabalhar. E não é que ao chegar em casa segunda à noite já era hora de arrumar a mochila de novo? Saí de casa cinco da manhã de terça para trabalhar. Retorno ao lar só na quinta-feira de noite depois do trabalho. Ainda bem que por 2013 já está quase acabando.

APAIXONADOS. Que tem um povo que não foi a um único jogo no ano, nem cogitou se associar ao ST, falou mal do time o tempo todo, e está indignado porque vai ficar de fora da Final… Lá isso tem.


Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.