NA WEB
    Google+

    Quem ama o feio…

    A Copa me assusta… e me ensina

    Por em julho 1, 2014

    netherlands_1974_jpg

    Primeiro é bom deixar claro que eu torço pra Holanda.

    Não por modismo e muito menos no calor do momento. Torço mesmo. Desde que me entendo por apaixonado pelo futebol. O motivo? Uma pequena e feliz série de coincidências, algumas delas envolvendo o nosso amado Flamengo.

    Tenho camisa, boné, short, bandeira. Tudo sempre muito usado mesmo quando não é época de Copa.

    Mas não é sobre isso que trato nesse meu retorno à ativa por aqui, após umas boas e não merecidas auto-proclamadas férias. Baseadas estas em dois sólidos pilares. Um, as férias dos jogadores do Flamengo e a parada do Brasileirão. O outro… Bem… O outro foi preguiça e falta de vergonha na cara mesmo. Enfim…

    Queria tratar superficialmente (como quase tudo que faço) do desempenho pífio da Seleção Brasileira e a diametralmente oposta fé que vejo em boa parte dos meus amigos, até mesmo nos mais sensatos, de que “sim, o Brasil vai se sagrar campeão da Copa de 2014”.

    De primeiro eu andava até irritado com essa certeza e até mesmo a tomava por falsidade. Cheguei a pensar em uma conspiração dos amigos mais próximos no puro intento de me irritar, só pelo fato de meu coração bater pela seleção de outra pátria.

    Até que um dia um amigo, já retomando um “conversê” sobre a volta do Brasileirão, colocou na mesma frase as palavras Flamengo, rebaixamento e possibilidade.

    Dei de ombros e pensei: “Eu hein? Parece maluco”.

    oie_1154259SW2cEyvR

    Cabum… Na hora me veio o choque de realidade e o consequente perdão a todos os apaixonados torcedores da Família Felipão. Estamos na décima nona posição, salvo engano com a pior defesa do campeonato, perdendo amistoso pro Tupi, com eternos “estamos quase acertando com fulano” vindos da Aldeia Smurf, e eu sequer cogito que meu amigo pense em juntar as três palavras que citei.

    Vasculhando um pouco mais a caixa de pensamentos deturpados, e voltando brevemente à Laranja Mecânica, lembro que achei bom quando o México fez o gol (???!!!) e “raciocinei” que era só o que faltava pra talentosa Holanda partir pra cima de vez e varrer os mexicanos do caminho.

    Tomara que minha visão deturpada permaneça assim para todo o sempre. Denota paixão verdadeira esse comportamento de grande parte da população que crê em um Brasil Hexa em 2014. Muito bonito isso. Mesmo que eu SAIBA, baseado na mais pura racionalidade empírica, que a Holanda vai (enfim) levantar a Taça. Éóbvio e, com a licença de Tio Nelson, ululante.

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.