NA WEB
    Google+

    Os 10 mandamentos para sair da confusão

    Por em agosto 20, 2014

    luxemburgo_oie_201510283SFFJnIO

    Demos uma respirada na tabela, mas ainda estamos na boca do inferno.

    Então é bom conter a euforia e continuar vencendo, mesmo que por 1×0.

    Deixem de lado essa história de G4. Nosso foco é ficar ali no meio da tabela, sem maiores preocupações. Pensando nisso, ao melhor estilo “pofexô”, decidi fazer os 10 mandamentos pra gente não passar sufoco no final do ano.

    Aí vão eles:

    1. Vencer a qualquer custo. Seja jogando feio. Com gol chorado. Tomando sufoco. Do jeito que for. 1×0 é goleada. É imprescindível vencer em casa e conseguir alguns pontinhos fora. Portanto, empurrar o Mengão no Maraca é obrigação.

    2. Deixa pra criticar o time depois do campeonato. Todo mundo sabe que o elenco tem suas limitações, que falta um camisa 10, que falta atacante. Mas vamos apoiar quem está lá. Criticar agora só vai jogar mais pressão pra cima deles. Assim que o campeonato acabar a gente corneta o time e a diretoria, principalmente.

    3. Sejam sócios. Não adianta reclamar que o time é fraco e não fazer nada pra mudar isso. Nem vou entrar na discussão de pagar ou não seu DARF (particularmente, sou contra). Mas todo rubro-negro que se preze deveria no mínimo ser Sócio Torcedor. É o básico.

    4. César e Samir não são a solução dos nossos problemas. Acho furada colocar o goleiro agora. Mas concordo que deveria atuar mais vezes. Tem tudo pra ser titular absoluto. Já o zagueiro tem um enorme potencial, mas vinha falhando em algumas oportunidades. Por hora deixa o Marcelo mesmo. Ambos são peças importantes no elenco, e não salvadores da pátria.

    5. Esse é pra FlaTwitter. Parem com essa ejaculação precoce de sair cornetando toda possível contratação. Futebol não é ciência exata. O mesmo jogador pode dar certo em um time e não render absolutamente nada em outro. Lembra quando anunciaram o Wallace? Todo mundo criticou. Hoje o cara deu a volta por cima e é uma unanimidade. Com o Brocador foi a mesma coisa.

    6. João Paulo é ruim, concordo. Muita gente fala em improvisar o Everton na lateral esquerda. Sinceramente, acho que perdemos mais no meio com a saída dele. É um cara que corre o tempo todo, se entrega e ajuda na marcação. E voltou a jogar bem. Sem falar que o JP tem acertado uns cruzamentos que nem dá pra acreditar, né?

    7. Vamos devagar com o Canteros, ok? Tenho muito receio desses elogios precipitados. O argentino é lúcido e tem bom passe. Deem tempo a ele. Ainda não pode ser considerado craque. Não fez nada demais. Pelo que percebi nesses jogos atua melhor com meia de criação do que como volante.

    8. Cáceres é um ótimo exemplo que todo jogador precisa de um tempo de adaptação. Tem calado a língua de muita gente. É incrível a diferença que faz no time. Seguro nos desarmes, atento e com boa saída de bola. Talvez o Mugni precise desse mesmo tempo para se firmar.

    9. Já temos um time enxuto, com pouquíssimas opções de qualidade. E aí entra o dilema: privilegiamos ou não o Brasileiro em detrimento da Copa do Brasil? Tô com o Luxa. A prioridade é não voltar pra zona. A Copa do Brasil só se estivermos bem tranquilos, que não é o caso.

    10. Apoio incondicional. É o que mais precisamos agora. Mas isso nem preciso falar que a torcida já entende muito bem.

    É isso. Vamos com tudo.

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.