NA WEB
    Google+

    17/38 As aventuras de Fla

    Pra acabar com a fama da região sul

    Por em agosto 23, 2014

    No capítulo anterior…

    20140820233630_593

    Magia. Encanto. Deslumbre. No episódio 16, o melhor da saga até o momento, vivemos todos momentos memoráveis que certamente entrarão para a história não só dessa, como serão destaque dentre tantas outras temporadas passadas e das que ainda virão.

    Tratada como coadjuvante e mero elenco de apoio pela CSP (Central Smurfética de Produção) por algum tempo, a Nação Rio roubou a cena e deixou claro que, mesmo sem estar no tapete verde, foco principal das luzes da ribalta, pode sim alcançar status de estrela e personagem principal da Saga Rubro-Negra no Brasileirão 2014.

    De parabéns o roteiro. Soube mostrar de forma clara que o cenário principal, o Maracanã, precisa sim estar emoldurado por essa gente apaixonada e berrando a plenos pulmões para ficar realmente iluminado, termo que vai bem além dos potentes holofotes fifenses instalados pela área técnica.

    No episódio de número 17 iremos enfrentar tigres em seus domínios. Nada que possa assustar e tomar de forma prévia ares de desafio intransponível. Inclusive na temporada passada entramos na toca da fera e arrancamos os três pontos sem muita cerimônia.

    Mais que a luta contra o tigre, o Flamengo segue na missão de desmistificar a inóspita Região Sul, que até bem poucas temporadas era um lugar hostil e infestado por uma vasta gama de adversidades. Magoado e sem poder retrucar com argumentos sólidos, já fui forçado até a ouvir de um Fla Fake que, ao jogar no Sul nós todos, time e torcida, já saíamos do Rio sem forças e envoltos na mortalha fatalista da derrota inquestionável.

    oie_23153411jlXB3oa2

    O destino nos é tão cruel por lá que na temporada passada, por uma infelicidade e falta de tato da Direção Azul, conseguimos até a façanha de sermos derrotados pelo Náutico (??!!) em Santa Catarina.

    Temos lutado pra por fim ao lendário poder da Região. Nos últimos tempos já aplacamos furacões por lá, domamos tigres e abatemos por duas vezes seguidas (com a terceira já encaminhada) a tribo dos Coxa Branca, que até no ano em que fomos campeões nos infligiu acachapante e devastadora goleada.

    Tudo bem. Precisamos admitir que tradições históricas não caem por terra assim de uma hora pra outra e ainda resolver e desbravar as terras mais longínquas do hostil Sul, principalmente lá pelas bandas do Rio Grande, aonde continuamos a coletar maus resultados aos borbotões.

    Mas isso é assunto para episódio ainda distante, já que será por lá mesmo o encerramento da temporada no dia 7 de dezembro.

    “Entre estranho. Por sua própria conta. Aqui existem tigres”.

    Entrar. Abater a fera. Arrancar mais três pontos. Sair. Essa é a missão para o episódio de número 17. Simples assim. Sem mais delongas, que pra equipe do Falando de Flamengo a luta já começa agora. Já no caminho para Santa Catarina, lado a lado com o Flamengo, domaremos o Tigre outra vez.

    Neste domingo. Quatro da tarde. Não percam.

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.