NA WEB
    Google+

    Bate-bola bipolar

    Por em setembro 24, 2014

    O Flamengo 2014 é um time bipolar. Os últimos resultados ratificam isso. O mesmo time que se impõe diante de Atlético Mineiro e Corinthians é o mesmo que entrega a paçoca para Palmeiras e Goiás. De fato, num campeonato equilibrado, com elencos nivelados, é normal esse tipo de resultado. Mas, não de postura. Aproveitei então o gancho para fazer uma entrevista, digamos, diferente.

    oie_241475TUR3cEQT

    Entrevistador: Paulo Victor já pode ser considerado titular absoluto?

    – Sim, tem feito defesas espetaculares e passado muita confiança.

    Falha constantemente.

    Entrevistador: Chicão ganhou a posição ou Samir é melhor?

    – Samir é melhor. Mas tava falhando muito.

    Chicão até que tem jogado bem. Ou não.

    Entrevistador: João Paulo merece ter o contrato renovado?

    – Sim, talvez.

    Claro que não!

    Entrevistador: Qual o reserva imediato do Cáceres?

    – Recife. Não, Amaral. Não, Muralha… não, de jeito nenhum!

    Entrevistador: O que acha do futebol do Gabriel?

    – Incrível. Ótimo jogador.

    Péssimo, não criada nada.

    10609521_695846810497125_3708996135950954553_nEntrevistador: E do Mugni?

    – Craque. Só falta se adaptar.

    Uma farsa. Vende logo esse cara!

    Entrevistador: O Alecsandro merece ser barrado?

    – Claro! Vai tentar bicicleta na puta que…

    Não tem reserva à altura.

    Entrevistador: Em que posição Canteros joga melhor?

    – Segundo homem.

    Não, terceiro!

    Escolhe camisa!

    Entrevistador: Flamengo briga pelo G4 ou pelo rebaixamento?

    – Nenhum dos dois.

    Entrevistador: Qual sua expectativa para a Copa do Brasil?

    – Prioridade é o Brasileiro.

    Deixou chegar!

     

    Valeu, galera. Até a próxima.

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.