Google+

Um carioquinha e nada mais

Por em novembro 12, 2014

oie_qunkYFI47EOx

E aí galera que veste vermelho e preto.

Chegamos ao final da temporada de forma melancólica, sem nenhuma aspiração. Apenas 2 pontos nos separam das férias. Uma temporada para ser esquecida. Um time fraco que até empolgou em alguns momentos depois da chegada do Luxa, mas que só conseguiu apenas fugir do rebaixamento.

Muito se comenta nos bastidores do clube sobre mudanças. Mas o fato é que ninguém sabe quem permanece e quem sai. Nem Luxa, Ximenes, contratações, dispensas. Só especulações por enquanto. Já vi muitas opiniões diferentes e vou dar a minha.

Acho fundamental a permanência do Luxa. Contratar um outro técnico agora seria voltar no tempo. O profexô nesse período pode conhecer bem o elenco e, sejamos sinceros, conseguiu tirar leite de pedra. Mas aí vem aquela questão dele querer se envolver também em outros setores do clube…

Nesse caso o ideal pra mim seria ceder ao Luxa um pouco de “liberdade controlada”. Pode até se envolver em outros setores, desde que não passe do limite. Ceder a corda dos dois lados, simples. E aí vou entrar um pouco mais no assunto.

Li há pouco uma matéria do Bap criticando internamente o técnico por este ter “se metido” várias vezes na questão do preço dos ingressos. Bap, segundo a matéria, diz que ele não se envolve na escalação do time, então também não aceita interferência no seu trabalho.

Pois bem Bap, acontece que aí entra uma peculiaridade nossa, e não há como fazer essa divisão de pastas. O Flamengo, até pelo time limitado que tem, conta com sua torcida como se fosse realmente mais um em campo, sem metáfora. Em vários jogos só ganhamos porque tinha uma Nação lá pulando e soltando a voz na arquibancada. E privar o técnico disso é um baita prejuízo.

É essa falta de sensibilidade que vejo na atual diretoria. Os caras estão fazendo um trabalho fantástico com as finanças. Mas, por mais que busquemos isso, não dá pra tratar o Flamengo como uma empresa o tempo todo.

E, mudando um pouquinho de assunto, acho que todo mundo concorda que a temporada foi horrível. Mas até nisso o Flamengo é grande. Para os outros times, crise é sinônimo de rebaixamento. Para nós, crise é quando ganhamos só um carioquinha em cima dos Vices.

Até mais.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.