NA WEB
    Google+

    34/38 Hasta la vista, Maraca

    Último jogo na nossa casa

    Por em novembro 16, 2014

     

    No episódio anterior…

    paulo victor flamengo goleiroNa bela Arena Pernambuco, situada no meio do nada na bela Recife, empatamos um jogo que também nada significou para as nossas (faltas de) pretensões atuais no ano corrente.

    Após começarmos de maneira sólida e abrirmos vantagem de dois gols até quase o fim do jogo, tivemos um apagão técnico e de substituições, saindo de lá com um pontinho com gosto de nenhum ponto.

    Melhor para o Sport Recife, que com o empate se sagrou Campeão Brasileiro mais uma vez em sua história recheada de glórias mil no cenário nacional, internacional e até mesmo intergalático.

    Para o episódio de número 34 vamos de Sessão da Tarde com clima nostálgico. Com a realização dos jogos contra o Vitória e Criciúma respectivamente em Onde Judas Perdeu as Botas e Lá Aonde o Vento faz a Curva, a Nação Rio tem na tarde deste domingo a derradeira oportunidade em 2014, meio que em clima de xepa, de ver o Mais Querido de perto.

    Até que nesse quesito (bom e velho Maraca) o ano há de deixar saudades. Mesmo com a falta de um título, já que ganhar Carioqueta, ainda por cima em Final contra o Vasco, não conta, a Nação Rio fez bonito em nosso palco principal.

    Com começo ausente e plenamente justificável no Carioca, após nosso horror pré-Copa, houve um consenso interessante do Alto Clero Azul e nós da plebe.

    Entendemos nós que era o momento de chegar junto e gritarmos como loucos até a bola estufar as redes adversárias, entenderam eles que, com nosso início de campanha, não dava mesmo pra tentar vender gato por lebre. A tal precificação foi pro espaço e os ingressos acabaram saindo a preço de banana. Um dos motivos para média de público tão sólida. O outro motivo, é claro, foram os pitacos do Comandante Luxemburgo para que isso ocorresse.

    oie_ePKVLcpknxPi flamengo torcida maracanã

    Para muitos de nós o ano letivo acaba neste jogo contra o Coritiba. Esperamos que para os atletas ainda não. Hora de todo mundo aproveitar da melhor maneira possível essa que deveria ser nossa peneira para 2015. Digo deveria porque, se é sério mesmo o interesse azul em um lateral reserva da série C, então todo mundo do elenco atual já tem matrícula garantida para o ano que vem.

    Conselho do Tio: Se você mora no Rio e tem hábito de ir vez ou outra ao Maraca, faça isso nesse jogo. Além de só rolar outra oportunidade em fevereiro, essa se dará com o Modorrento Estadual. Jogo de Brasileirão, mesmo sem valer mais nada, sempre será melhor que os jogos daquele cemitério de futebol e finanças que chamam de campeonato.

     

    CURTAS

    TRAGÉDIA SEM FIM. Eurico de volta e jogo pela Série B com merecida derrota para o poderoso Ceará de Magno Alves. Realmente a fase não anda nada bem pros lados de São Januário.

    ORGANIZAÇÃO. Jogo do fluminense agendado para o sábado. Assim sua alegre torcida pode estar presente na parada gay de domingo em Copa.

    FORMAÇÃO DE QUADRILHA. Inicia nesse domingo, com os festejos do aniversário do Guilherme, filho do editor desta joça, planos da equipe FDF de se reunir no mundo real uma vez por mês. A julgar pelo nível whatsappiano do povo, ainda antes do Carnaval nossa redação será transferida para alguma delegacia.

    bOTAFOGO. Ahahahahahahahahahahahahahahah…

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.