Google+

OPINIÃO: Almir é bom para quem?

Por em maio 23, 2015

Passados pouco mais de 30 dias da notícia de que o Flamengo contratou Almir, a análise dessa negociação já pode ser feita com base em suas atuações. Análise que, inclusive, não diverge do que já pensava quando foi contratado. Um time que quer disputar títulos e ser protagonista no cenário nacional, não pode se contentar com um jogador que aos 32 anos nunca foi protagonista por onde jogou, e pior, jogou por times pequenos e não correspondeu.

Raramente contesto uma contratação, mas esta foi uma das piores que esta gestão fez, e olha que houve algumas que poderiam chegar bem próximo. A Diretoria acertou quando contratou Elias. Ele veio em baixa do Sporting, ajudou com um título e se foi. O que aconteceu depois é outra história. Parece ter acertado com o Jonas, jogador novo, tem certa técnica, veio de um clube de menor expressão, não tremeu e pode ser útil para a sequência da temporada. O Almir não é jogador para ser titular, levantar taça, ser cobiçado por outros grandes clubes… Não foi uma boa contratação e não será útil para o Mais Querido.

oie_V7YV5JOijsdV almir flamengo

Antes de contratar deveriam avaliar não somente o valor inicial, mas também o retorno financeiro e o gasto ao longo do tempo com este jogador, e se esta despesa valerá à pena durante o tempo em que ele ficar no Flamengo. O dinheiro que será gasto com Almir deveria ser utilizado melhor. Dele e de outros jogadores que estão no clube. Existem jogadores no mercado brasileiro e no sul americano que poderiam chegar por menos e render mais dos que estão lá.

Vanderlei Luxemburgo pensa diferente. Acha Almir um bom jogador. “Almir foi uma grande contratação. Tem muita força muscular e, sem dúvida, ajudará muito no Brasileiro. Ele é forte, jogador que carrega a bola e tem uma boa técnica. Boa contratação para o Campeonato Brasileiro”, declarou o treinador em entrevista. Discordo.

Leia também:

> Flamengo mantém cautela por Guerrero

> Flamengo tenta o retorno de Elias, do Corinthians

Minha preocupação é o clube pensar em contratar jogadores nível Almir e esquecer a real grandeza da camisa do Flamengo. Porém, uma contratação como esta, ao invés de aumentar a receita para os pagamentos desta dívida, nos mostram totalmente equivocadas, pois um jogador deste não será ídolo, não venderá camisas ou outros produtos. Não aquecerá a venda de sócios torcedores. Uma aposta, no mínimo, tem que ser alguém que no futuro deverá trazer algum benefício financeiro ao clube, e esta não trará nenhum por causa da sua idade avançada para o futebol. Nunca foi craque. Passou por muitos clubes pequenos sem sucesso e por causa de boas atuações no Euricão 2015, jogando pelo Bangu, foi parar na Gávea.

Marcius Barreto

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.