Google+

Pode até não parecer, mas o Flamengo está no caminho certo

Por em junho 5, 2015

Cinco partidas e apenas um ponto conquistado. Três derrotas seguidas no campeonato. Quer saber? Estou otimista com o Flamengo. Estou otimista porque as coisas estão sendo feitas da maneira certa. Montar um elenco qualificado requer tempo, e a estratégia de buscar jogadores que ofereçam pouco risco no investimento é corretíssima. Alguém duvida que um jogador com o currículo de um Paolo Guerrero tem tudo para vestir a camisa e dar resultado desde o primeiro minuto? Claro que não!

20100624_austeridade_0 flamengo

Vejo alguns profissionais, principalmente aqueles que estão se despedindo do Flamengo, destilando algum veneno contra a forma de gestão do clube, e encaro isso como mais um sinal de que estamos no caminho certo; seria estranho que profissionais que se tornaram expoentes e por que não dizer, riquíssimos, com a velha forma de administrar os departamentos de futebol nas contratações irresponsáveis e a granel, concordassem com contratações pontuais, analise dos interesses de longo prazo do clube, planejamento estratégico e plurianual.

guerrero-flamengo5Sempre achei que a política de trazer jogadores baratos não combinava com o Flamengo, mas agora que mais da metade do caminho foi cumprida e a instituição começa a ter alguma folga no caixa para contratações do vulto que o Mais Querido merece, lembro que alguns clubes já foram para o buraco exatamente na hora em que foram ao mercado para apostar alto. Tem que ser com calma mesmo; não é hora de comprar o que os empresários empurram. Até porque, precisamos de poucas peças para transformar esse bando em um time competitivo. E parece que essas peças estão vindo.

Por falar em acerto, vejo com bons olhos a contratação do Cristóvão. Sempre olhei com admiração a estratégia do Barcelona, por exemplo, de ter um DNA futebolístico, não importa quem esteja no comando técnico. E, talvez os mais novos não tenham tido a oportunidade de ver, mas o DNA rubro-negro é futebol ofensivo com posse de bola. Que tal cuidarmos um pouco melhor disso? Cristóvão monta o time assim e é assim que devemos jogar. Dará certo o trabalho dele? A conferir. Mas, mesmo que não seja ele o treinador que nos levará à Tóquio, que nós não abandonemos as nossas convicções de agora em diante; como diz a Magnética: vai para cima deles Mengo!

Cadu Silva, carioca, servidor público, morador de Manaus, ST, off-Rio, Darfeiro e Flamengo até morrer. No Twitter, @cadumarsilva

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.