Google+

Zico na FIFA: Por que não?

Por em junho 15, 2015
zico

Quando tinha meus 10 anos e acompanhava fervorosamente a Copa do Mundo dos Estados Unidos, tive uma surpresa muito feliz e gratificante. O presidente da entidade que comandava todo aquele espetáculo era brasileiro. Quanto orgulho! Eis que anos depois começam nos jornais denúncias de corrupção na maior entidade do futebol. Na CBF que era comandada por seu genro, investigação através de uma CPI. Verdadeira vergonha! Mas tudo acabou em pizza. Tanto que o ex-presidente da FIFA e seu genro ficaram nos bastidores do futebol por muitos anos. E claro, aumentando as acusações sobre seus negócios e transações obscuras.

joao-havelange-esq-e-ricardo-teixeira-olham-para-copa-do-mundo-1319639845195_615x300

Mais algum tempo depois, o jornalista Andrew Jennings passou a denunciar, mas dessa vez comprovando com documentos em seu programa no canal BBC. Logo depois publicou o best sellerJogo Sujo” no qual mostra em detalhes e numa ordem cronológica como funcionavam as eleições, as escolhas das sedes das Copas e a venda dos direitos televisivos dos eventos da FIFA. Em 2014 o mesmo autor nos brinda com a obra “Um jogo cada vez mais sujo”. Se em jogo sujo o esquema é mostrado, em um jogo cada vez mais sujo podemos conhecê-lo por dentro.

Em 27 de maio, Marin e outros seis dirigentes foram presos na Suíça acusados de participarem de um esquema de corrupção. Aquele esquema já denunciado por Andrew. A casa da família FIFA começa a desabar na cabeça de Joseph Blatter que mesmo após dois depois ser reeleito presidente, renuncia ao cargo. É a coisa está feia para os “bons velhinhos”.

64th  FIFA Congress 2014 - Day 2

No dia 2 de junho Zico inicia com uma pergunta um post em seu Facebook sobre se candidatar a presidente da FIFA: Por que não? Em coletiva o Galinho reafirmou o seu desejo que deve amadurecer cada vez mais em sua cabeça. E eu pergunto: Por que não? Zico tem capacidade de presidir a FIFA e de ter ao seu lado ex-jogadores que querem contribuir para uma entidade honesta, transparente e que realmente possa contribuir para o desenvolvimento do futebol mundial.

zico_coletiva_fifaZico se mostrou indignado com o atual momento da entidade máxima do futebol na coletiva concedida por ele no CFZ. Para quem ama o futebol como nós, não poderia estar feliz com o que vem ocorrendo. Zico deixou claro que não concorda com as atribuições para se candidato como, por exemplo, a obrigação de ter o apoio de 5 confederações. E meio que condicionou a sua candidatura a mudança desse tipo de regra.

Zico sempre se mostrou uma personalidade do esporte que carrega uma admiração que transcende ao que ele fez dentro de campo quando jogador. Ele é respeitado mundialmente, tem um nome forte e com ampla aceitação nos quatro cantos do mundo. Seu exemplo como pessoa pode ajudar a mudar a imagem que tem hoje a FIFA.

Vi nas Redes Sociais uma preocupação quanto à candidatura, e é super válida essa preocupação por medo de Zico por a prova sua figura e credibilidade. O maior desafio do Galinho, se eleito for, é mudar a filosofia e o “modus operandi” que há na FIFA hoje. Claro que haverá oposição, Zico não vai agradar a todos, mas isso faz parte de todo processo e até mesmo da vida.

O futebol hoje respira por aparelhos! A crise é iminente, e Zico pode ajudar nessa mudança. Se em 1974 tivemos um brasileiro iniciando todo sistema sujo que imperou na FIFA por anos, por que não agora outro brasileiro possa iniciar um processo limpo que será bom para o futebol jogado nas quatro linhas e em seus bastidores? Zico tem tudo para realmente transformar a FIFA numa família com credibilidade! Viva Zico! Viva o futebol!

zico_FIFA_20110723-original

Tulio Rodrigues
www.poetatuliorodrigues.blogspot.com 
www.blogserflamengo.com

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.