NA WEB
    Google+

    O Flamengo jogou

    Por em agosto 23, 2015

    É… Chutes para o gol, avanço constante dos laterais, nego dando carrinho até em gandula, correria, bom aproveitamento dos erros adversários e algo mais foram os componentes da nossa vitória de virada contra uma equipe que, apesar de viver momento conturbado, briga lá na parte alta da tabela por uma vaga no G4. Ah… Claro que levar um gol em cobrança de escanteio não podia faltar, né?  Vamos torcer pro Oswaldo consertar esse treco, mas até lá todos nós, e principalmente o César, continuaremos sofrendo de escanteiofobia crônica. O juiz aponta naquela direção eu já estou reagindo como se fosse pênalti pro adversário.

    ederson_5_flamengo_sao_paulo_01

    Mas e aí? A gente fica feliz da vida com o desempenho acima da média ou fica puto porque ninguém quis correr na quarta?  E digo mais. Que o Oswaldo seja muito bem recebido e que tenha vida longa no comando da equipe, mas o Cristóvão deve ter visto o jogo e ficado chateado também. Acho pouco provável que na preleção no jogo contra o lanterna ele tenha falado algo do tipo: “Cês entram lá, não fazem porra nenhuma por 90 minutos e a gente vê o que acontece”. Aí das duas uma. Ou nossos atletas, assim como todos nós, acharam mesmo que a fatura já estava liquidada de véspera e mais uma vez fomos vítima do nosso jáganhismo nato, ou é algo bem pior envolvendo panelas, corpo mole, má intenção e outras coisas desprezíveis.

    Bem… Que se dane. Bora ficar feliz e comemorar a vitória. Oswaldo começa com o pé direito e nem teve tempo ainda pra trabalhar. Além do mais, com a turma lá da parte podre da tabela começando a pontuar com certa frequência, menos o Vasco, bom mesmo tentar avançar um pouco mais na classificação. Não quero nem ouvir falar em zona da confusão esse ano. De confusão já basta a nossa zaga e as idas e vindas de azuis entre uma chapa e outra, todos se achando a última palavra em administração.

    OSWALDO_3_flamengo_sao_paulo_03

    No pré-jogo eu perguntei qual seria o Flamengo que entraria em campo contra o São Paulo, com que tipo de ânimo para jogar futebol. Segue a dúvida para o jogo de volta da Copa do Brasil. Porque se o estado de (des) ânimo for o mesmo da primeira partida, daí não dá pra ganhar nem do… Qual o pior time para citar como exemplo em um caso desses?  Ah… Lembrei. Não dá pra ganhar nem do Vasco, o que é justamente o necessário na ocasião.

    Sobre o jogo contra o tricolor paulista nos resta dois alívios. O do time ter corrido é o primeiro, o outro vem da zaga do São Paulo ter resolvido fazer uma imitação barata e homenagear alguns dos erros bizarros que a do Flamengo vem cometendo sem parcimônia. Bem… hora de pensar oficialmente na próxima quarta. Inevitável. A soberba e a falta de modos começam a se apoderar lentamente do meu ser. Alguém mais me acompanha nessa? Então vamos lá começar a degustar esse bacalhau.

    Pergunto, e é claro que a arcoirizada também pode participar. Qual vai ser a história do jogo na quarta? O Flamengo passa com ou sem drama para a próxima fase?

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.