Google+

Boa exibição do Flamengo em cima de um vacilante São Paulo

Por em agosto 24, 2015

Dia quente, céu azul e cara de verão carioca. Nada mais propício para uma boa exibição do Flamengo em cima de um vacilante São Paulo. Uma vitória que seria importantíssima, pelo momento pelo qual o time está passando, vindo de derrota na Copa do Brasil e vendo os rivais de baixo da tabela vencerem e diminuírem a vantagem, que tínhamos sobre o famigerado Z4.

Das arquibancadas vinha o tom. Mais de 43 mil pessoas presentes, debaixo de sol e muito calor. O time começou a caminhada com Oswaldo de Oliveira, com uma surpresa. Devido à ausência de Jorge pela lateral esquerda, jogou o improvisado Éverton e o meio de campo composto com Alan Patrick e Éderson. Sem muito tempo para fazer qualquer implantação de novidades táticas, o time foi escalado como seu antecessor planejava. Os dois volantes de mais contenção (Canteros e Márcio Araújo) e os três mais avançados para municiar Guerrero.

canteros_flamengo_sao_paulo_03

O Flamengo dominou todo o jogo, porém, no primeiro tempo faltou um pouco de intensidade na marcação, sobretudo apresentando os velhos problemas na parte defensiva. Os dois volantes escalados não marcam muito bem, além da velha falha nas bolas aéreas. E foi justamente em um lance de escanteio (sexto gol sofrido desse modo), que os tricolores paulistas abriram o placar. Falha do goleiro César e o zagueiro Luís Eduardo completou para o fundo das redes. No mesmo momento a torcida começou a cantar mais alto no setor Norte e o Fla conseguiu empatar ainda no primeiro tempo, através do novo camisa 10.

Foi um gol crucial, que devolveu um pouco de tranquilidade para o time. A volta para o segundo tempo, apresentou um time muito mais aplicado e com bastante raça e disposição. O resultado dessa nova postura foi que em 3 minutos, o time conseguiu criar 3 chances claras de gol e virou o jogo com Guerrero.

Daí até o final, o Flamengo conseguiu levar bastante perigo nos contra-ataques, porém, levou alguns sustos, principalmente nas bolas levantadas na área.

ederson_alan_patrick_guerrero_2_flamengo_sao_paulo_05

Para a próxima quarta-feira, entrando com a postura apresentada ontem, principalmente na segunda etapa, o jogo contra o Vasco, válido pela Copa do Brasil, promete ser bem diferente da partida de ida, quando fomos derrotados por 1×0, em uma atuação bastante apática. O Maracanã promete receber um excelente público e reviver o verdadeiro Clássico dos Milhões.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.