NA WEB
    Google+

    Flamengo no Brasileirão: misto de felicidade, desconfiança, esperança e medo

    Por em maio 14, 2016

    Você acorda no sabadão, dormiu sem ar condicionado, o clima está ameno, o Vasco caiu, a Dilma caiu, o Wallace caiu… Você chega a pensar que está em outra galáxia. Mas vai começar o Brasileirão e você sente um misto de felicidade, desconfiança, esperança e medo. O que esperar desse time nos próximos 6 meses?

    Todas essas quedas aí citadas não trouxeram sequer nenhuma tranquilidade, tudo ficou ou pode ficar até pior. Caiu a Dilma e veio o Temer, quanto temor. Caiu o Vasco e não ganhamos mais deles, quanta incompetência. Caiu o Wallace e veio a tona que o tal planejamento é algo que passa mesmo longe da Gávea, quanta prepotência.

    2_bandeira_flamengo_vasco_manaus_wallace_2016

    Sem estádio, com a torcida, seu maior patrimônio, distante e desconfiada, sem liderança, sem padrão de jogo, é assim que vamos iniciar nossa luta em 2016. Contudo, não era esse o ano que colheríamos os frutos da bela administração financeira? Já ficou para o próximo?

    Vamos começar o campeonato e não temos o elenco totalmente montado? Nem com toda a grana que o careca não cansa de esfregar na nossa cara conseguimos um zagueiro decente?

    O ex capitão, até bem pouco tempo o “líder” fincador de bandeira é o primeiro a roer a corda? É tanta falta de pulso e atitude da diretoria, é tanta falta de cobrança que aqueles que deveriam ser cobrados acabam causando danos financeiros e de imagem. Já não chega?

    O tempo é implacável, a bola vai rolar as 16hrs e mesmo com todo esse cenário adverso, a galera vai estar lá na nossa pseudo casa, a paixão vai falar mais alto, a esperança vai se renovar e eu estarei a espera de um milagre.

    Temos um técnico, temos bons jogadores, temos um manto novo e lindo que até isso a crise me privou de vestir, e temos São Judas Tadeu.

    Desculpa te sobrecarregar, mas não sou de promessas, só te peço isso, ajuda aí, realiza aqueles milagres rubro-negros, faz esse time dar liga, devolve a alegria pro nosso povo, chega de sofrer.

    Ó meu Mengão, eu gosto de você. Quero cantar ao mundo inteiro, a alegria de ser Rubro-Negro. Pode contar comigo Mengão, na alegria e na tristeza é com você que vou sempre estar.

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.