NA WEB
    Google+

    Sem desespero e foco no #CheirinhoDeHepta

    Por em setembro 29, 2016

    Me desculpem os mensageiros do caos mas a derrota de ontem se não era planejada, era, ao menos, considerada no Ninho. Apesar de o discurso oficial dar conta de que entraríamos para vencer as duas competições, na prática, ao nem sequer relacionar alguns dos principais jogadores do elenco, ficou claro que não estávamos dispostos a fazer o que fosse preciso para avançar de fase. Se desse, ótimo; caso contrário, vida que segue.

    Evidente que, essa situação não poderia ser prevista com tanta antecedência assim, mas dado que estamos brigando ponto a ponto pela liderança do Campeonato Brasileiro e teremos um confronto depois de amanhã (não se esqueçam, a próxima rodada é sábado, um dia a menos de descanso)  contra um adversário que promete ser duro e, devido à sua eliminação na rodada passada na Copa do Brasil, estará descansado, é evidente que a decisão não é descabida.

    guerrero_flamengo_palestino_1

    Estamos em um ano atípico na vida do departamento de futebol. Sem estádio na cidade do Rio, o Flamengo está fazendo um verdadeiro bye-bye Brasil e, surpreendentemente, equilibrou a disputa pelo título sem ter feito sequer uma partida no seu principal templo, o Maraca. Mas isso tem um custo fisiológico que, somado às viagens internacionais de uma Sulamericana, seria quase que desumano. Fora o desgaste emocional do elenco que teria uma rotina de banda de rock em turnê.

    Claro que tudo isso foi considerado pela comissão técnica e que nada disso é garantia de sucesso no Brasileirão, mas a lógica diz que estaremos na Libertadores do ano que vem (estamos a 10 pontos do 5º colocado) e que temos sim reais chances de conquistarmos o título. Então, menos. Não foi um vexame e não está tudo errado. Nós é que estamos mal-acostumados. Culpa desse time que tem nos deixado sonhar.

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.