Google+

Zé Ricardo diz que não temeu a perda de pontos do Fla-Flu

Treinador afirma que o foco esteve o tempo todo no duelo diante do Corinthians, domingo

Por em outubro 21, 2016

O foco está todo no jogo contra o Corinthians, domingo, no Maracanã. No entanto, a semana também foi marcada pela polêmica perda dos três pontos do Flamengo do clássico diante do Fluminense. Após o STJD voltar atrás na decisão que retirava o resultado do jogo, o técnico Zé Ricardo disse não chegou a se preocupar com o caso fora dos gramados. Segundo ele, sua intenção foi colocar o duelo deste fim de semana como assunto primordial dentro do elenco.

– Desde o dia que saiu a nossa perda dos três pontos, o famoso asterisco, eu estava bem tranquilo. Entendia que tínhamos de focar no Corinthians e passei isso para os atletas. O fator Maracanã serve de motivação, nossa equipe precisa canalizar toda energia que vem da arquibancada e fazer um jogo que nos dê condição de ganhar os três pontos. O Corinthians vem num novo crescimento – disse Zé.

O técnico do Flamengo afirmou que já tem o time definido para o jogo de domingo. No entanto, prefere divulgá-lo somente pouco antes da partida do Maracanã. Apesar do clima favorável com a volta ao estádio, Zé Ricardo reiterou que é preciso ter cuidado com o time do Corinthians.

– É uma batalha duríssima, não podemos deixar que a emoção seja maior que a razão contra o Corinthians. Sem dúvida nenhuma que jogar com o apoio da nossa torcida é uma força que todas equipes usaram. Fomos muito bem recebidos onde jogamos, mas vamos poder contar com mais essa força na arquibancada.

ze_ricardo_flamengo_cruzeiro_1

Vantagem do Maracanã

É fundamental, a gente bem pouco depois que assumi eu falei que meu sonho era estar presente no Maracanã e com a gente na briga na reta final. Eu falava em G-4 quando o Maracanã voltasse. Temos uma classificação que nos permite pensar em coisas mais altas, mas dos sete jogos que faltam há cinco com adversários na briga.

Presença da torcida

O apoio da nossa torcida é fundamental. Esperamos que o Maracanã esteja sempre lotado. Espero que a torcida nos apoie do início até o final. Vai ser necessário ter todas essas vozes a favor. A gente não pode deixar que a emoção passe demais a razão. Temos que caminhar a razão. Temos que seguir a estratégia para que esse apoio a mais, o jogador olhando pra galera e sentindo o apoio, vai se superar.

Derrota para o Corinthians no primeiro turno

Foi um jogo, passou. Naquela situação, tivemos alguns problemas, e o resultado acabou ficando bastante elástico e duro para nós. Nos recuperamos bem e conseguimos vitória contra o Atlético-MG. Mostrou que time estava forte mentalmente. Corinthians sofreu desmanches, mas tem mantido um bom nível, o que indica a filosofia do clube. Por isso, segue competitivo e disputando as principais competições.

Momento do Corinthians após eliminação da Copa do Brasil

Vi atentamente o jogo, revi também, é uma equipe que se redefiniu. Minha visão é que voltaram a praticar um jogo ao qual estavam acostumados. Jogo com triangulações, bastante passes. Buscam confundir a marcação do adversário, e é um jogo que exige do rival muita concentração. Eles têm movimentos defensivos bem definidos. Adversário difícil de ser batido, perdeu um pouco o controle da partida contra o Cruzeiro, mas fez o segundo gol com o Rildo, tentou o terceiro, mas não conseguiu. Nível de periculosidade do jogo aumentou na minha visão. Temos que fazer um jogo próximo da perfeição. É evitar os erros do Beira-Rio e aproveitar as oportunidades que vão criar.

Muitos pedidos de ingressos?

Aluno, atleta, ex-atleta, família, amigo… É um barato perceber que a nossa equipe criou tanta expectativa. Sou nascido e criado a dois quilômetros do Maracanã. Ia para ver o famoso segundão (segundo tempo). Esperava abrir o portão. Sempre foi uma emoção grande ver o pessoal que já ia nos empurrar na preliminar. Ano passado participei de algumas.

Muralha na Seleção

Ele já tinha saído do campo, não consegui falar com ele. Vou dar os parabéns. Atleta que vem se dedicando pra caramba. Em relação ao jogo com o América, sem nenhum tipo de problema, porque não só ele, o Paolo vai estar na seleção peruana. Paulo Victor, Damião e Vizeu foram bastante eficientes.

Onde que o Fla precisa crescer na reta final

Estrutura tática eu acredito que nem seja de fazer mudanças muito grandes, porque dentro de uma plataforma de jogo onde demanda tempo para reconhecer comportamento, movimento, e eles fazerem de forma mais automática. Montar uma equipe é complicado. Duas ou três peças que saem já mostra uma dificuldade.

Sobre Mancuello

A gente tem uma maneira de jogar em que a gente usa três jogadores na faixa lateral do campo, onde vejo que Mancuello não tem o melhor rendimento. Ele é um meia de aproximação, que finaliza na área. Foram circunstâncias de jogo. Ele tem muita coisa a contribuir. Ele não entrou nos últimos quatro jogos por circunstâncias. A gente conta com ele. Mancuello ocupa a faixa esquerda do campo. O nível de inteligência do jogador dita muita coisa que ele vai fazer. O Mancuello pega fácil, é inteligente. A expectativa é que vá bem quando for acionado Ele tá relacionado, mas não posso dizer se vai jogar. Vamos esperar o jogo para ver.

Mudanças na equipe

Não acho que temos de mudar a estruturação, acho que temos é de buscar uma concentração maior, descansar o máximo, treinar o suficiente porque sabemos que todas equipes estão numa fase final de condicionamento. Potencializar o que a gente tem de bom e ver o que o adversário tem de bom para tentarmos acertar. O que tínhamos mais de grosso de trabalho já foi feito. Temos que encontrar um movimento que possa surpreender o jogo. Temos que nos concentrar nos cinco momentos do jogo. A gordura que a gente nem tinha ficou no jogo passado, acabou sendo derrotado. Temos que focar em estar 100% para ter uma sequência para seguir brigando na tabela.

Planejamento para 2017

Ainda não falei sobre absolutamente nada a respeito de contratações, só discutimos número de jogadores, datas e locais. Esse momento é para focar absolutamente na reta final do Brasileiro. Não seria justo com os atletas que sob um desgaste grande chegaram na briga pelo título brasileiro na volta ao Maracanã.

GE

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.