NA WEB
    Google+

    PV, Luiz Antonio e Mugni na mira do Bahia

    Por em dezembro 18, 2016

    Além de Chiquinho, Sheik, Alan Patrick e Fernandinho, que, somados, custavam cerca de R$ 800 mil, o departamento de futebol do Flamengo tem a missão de desonerar mais a folha para não inflacionar a folha com valorizados jogadores contratados. A previsão é de que os quatro ou cinco que devem chegar correspondam a um pouco mais de R$ 1 milhão.

    Emprestado ao Bahia até o fim deste ano, Luiz Antonio agradou e pode permanecer no Tricolor de Aço. A diretoria baiana, que não comenta negociações, acenou com procura pelo goleiro Paulo Victor e também o meia Mugni. O argentino está treinando separado do grupo principal rubro-negro e tenta voltar ao futebol. Ainda não há propostas oficiais, porém.

    Os jogadores do Flamengo que voltam de empréstimo também devem ser realocados em clubes da Série A e B do Brasileiro. A expectativa do Rubro-Negro é trabalhar com 30 a 33 atletas no plantel profissional, na pré-temporada. Um dos objetivos do ano é que 40% deste elenco sejam formados em casa. A promessa é de que a garotada do Ninho do Urubu tenha mais chances – e que este fato por si só represente outra economia no custo do grupo principal.

    GE

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.