Flamengo x Macaé: ATUAÇÕES

Muralha: Praticamente sem nenhum trabalho na partida. Seguro quando exigido. Nota 8.0

Pará: Um primeiro tempo mais preso na defesa. Quando teve mais espaço e suporte dado pelos meias, cresceu de produção na segunda etapa, indo várias vezes à linha de fundo. Demonstra um preparo físico invejável, já no início da temporada. Nota 8.0

Réver: Partida tranquila, sem maiores sustos, facilitada pela inoperância do ataque adversário. Nota 7.0

Rafael Vaz: Avaliação semelhante à de Réver. Apesar de alguns erros de passe no primeiro tempo, melhorou na etapa final e acabou iniciando a jogada do segundo gol, após um lançamento de mais de 50 metros. Nota 7.0

Trauco: Não teve a atuação exuberante da estreia, mas fez uma partida segura e com personalidade. Tem ótima visão de jogo e excelente qualidade no passe. A deficiência no setor defensivo, foi corrigida com melhor posicionamento. Nota 7.0

Rômulo: Ainda fora de ritmo, porém, com uma partida melhor do que a estreia. Demonstra muita habilidade e ótima qualidade na saída de bola. Deu um lançamento primoroso para Guerrero na primeira etapa. Vai evoluir ainda mais e deve se tornar uma referência no meio de campo Rubro Negro. Nota 7.5

Willian Arão: Partida correta. Cresceu demais na segunda etapa. Avançou e deu bastante volume de jogo ao time. Marcou o terceiro gol da partida, demonstrando presença de área e oportunismo. Nota 7.5

Diego: É o cérebro do time. Dita o ritmo e apresenta uma entrega todo o tempo que permanece em campo. Líder incontestável, pela qualidade e pelo exemplo. Virou um capitão sem braçadeira. Sofreu o pênalti e converteu em cobrança perfeita o primeiro gol da partida. Nota 8.0

Mancuello: Ótima partida. Parece estar se adaptando ao novo posicionamento desejado por Zé Ricardo. Construiu diversas chances, perdeu um gol claro e participou de outros dois. Nota 9.0

Éverton: Muita movimentação e correria no jogo. Fez alguns bons lances de ataque e fecha bastante o meio. Contudo, foi expulso em um lance de falta de inteligência, deixando o time com menos um, por mais de 15 minutos. Nota 6.5

Guerrero: Não marcou gol, mas fez ótima partida. Muita movimentação, criou bastante e demonstrou estar em melhor forma do que o ano passado. Chegou a marcar um gol, erradamente anulado. Nota 8.0

Cuellar, Leandro Damião e Rodinei: Entraram mais para o final da partida, sem maiores destaques.

Zé Ricardo: O time apresentou variação tática (uma das maiores reclamações do ano passado feita pela torcida), aproveitou para testar algumas mudanças durante a partida e vem se consolidando no papel de técnico do Mais Querido. Nota 8.0

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.