NA WEB
    Google+

    Zé Ricardo minimiza eliminação: “A bola não quis entrar”

    Por em abril 8, 2017
    zé ricardo

    Após o empate sem gols contra o Vasco e, consequentemente, a eliminação da Taça Rio, na tarde deste sábado, no Maracanã, o técnico Zé Ricardo concedeu entrevista coletiva e, mesmo sem garantir vaga na final, se disse feliz com o rendimento do Flamengo. Para ele, o jogo foi de ataque contra defesa.

    – Nos propusemos a procurar o gol, ficou mais evidente no segundo tempo, onde tivemos uma equipe que buscou desde o inicio as oportunidades. A bola não quis entrar, parte pela boa marcação que o Vasco exerceu. Fiquei feliz pelo empenho de todos. O Vasco esperou mais a gente, montou um esquema sólido. Foi uma equipe buscando e outra se defedendo, esperando uma bola parada ou espaço pelos lados.

    O técnico ainda se disse incomodado com a ausência de vitórias nas últimas quatro partidas do Campeonato Carioca.

    – Lógico que incomoda. Fizemos três clássicos e um jogo em Volta Redonda com nossos meninos. Incomoda, qualquer time grande que fique quatro partidas sem vencer incomoda, mas dentro do que planejamos para cada jogo, tentamos fazer.

    zé ricardo

    Zé Ricardo na íntegra:

    Atuação de Donatti

    Fez partida segura, é um atleta de alto nível. Ele esperou quase oito ou dez meses por sua oportunidade. Mas isso não define escalação para quarta. Acho que fez boa partida e está pronto se precisarmos dele.

    Flamengo mal no primeiro tempo

    No primeiro tempo, poderíamos ter acelerado mais o jogo, criamos pouco, mas também pela forte marcação do Vasco. Sentimos falta de ocupar a segunda linha do Vasco, ali poderíamos criar triangulações e espaço para chutes de fora da área. No segundo tempo, conseguimos acertar o passe, acelerando por fora do campo.

    A eliminação na Taça Rio causa impacto na Libertadores?

    É outro caso, precisamos da vitoria. Na Libertadores é fundamental vencer em casa. Temos um adversário dificílimo, que é o Atlético-PR. Eles vêm fazendo boas partidas desde a pré-libertadores. Temos que estudar as características deles. A torcida que vai comparecer em massa na quarta-feira vai ver uma equipe bem organizada e com muita vontade.

    Atlético defensivo como o Vasco?

    No nosso futebol, tentamos construir e finalizar as jogadas. Vejo que o Atlético-PR pode assumir postura parecida, mas também tem jogadores para jogar mais adiantados, como jogam em casa. Saio satisfeito pela entrega dos nossos jogadores e pelo que apresentaram, mas precisamos trabalhar e conversar para elevar o nosso nível.

    Tática do Vasco de amarrar o jogo serve de preparação para a Libertadores?

    Pode servir sem dúvida, realmente foi um jogo bastante picotado no segundo tempo. Principalmente entre os 10 e os 12 minutos, quando envolvemos o adversário e apresentamos um ritmo bom. Aí teve uma parada antes do tempo técnico. Quem tem de tomar conta disso é a arbitragem, temos que manter atletas equilibrados para qualquer discussão, evitando assim a perda de um jogador.

    Por que Márcio na lateral em vez de Ronaldo, que atuou ali por bom tempo na base?

    Já tínhamos combinado que, com a ausência do Pará, quem ia fazer lateral em caso de algum problema com o Rodinei seria o Márcio. Acho que o Márcio tinha mais condição de pegar o Kelvin, e o Ronaldo esteve bem no meio. Pedi para ele jogar atrás do Nenê, porque aí ganharíamos o passe por dentro. Ele conseguiu uma infiltração e quase o Diego fez gol. Foi eficiente no que fez na partida.

    Quinze finalizações e nenhum gol

    O jogo foi numa estratégia clara dos dois times. O Vasco, na situação de jogar pelo resultado, atuou de forma legítima e buscou ocupar a defesa, tentando a saida rápida com o Pikachu e depois com o Muriqui. A gente sabe que faz parte do jogo. O segundo tempo pode ser um bom modelo para gente atuar na quarta-feira, mas lembrando que temos adversário traiçoeiro e difícil na quarta-feira. Precisamos de bastante equilíbrio.

    GE

    One Comment

    1. Carlos Alberto Fernandés Duarte

      9 de abril de 2017 at 19:12

      Estou muito chatiado com esse treinador e com esse time que não vai a lugar nenhum com esses jogadores fraco como esse perna de pau chamado guerreiro e Gabriel que só corta pro meio e não vai ao fundo e esse arão que não joga nada e esse treinador que não cobrar empenho e mancuejo que corre que nem uma tartaruga.

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.