Google+

Julio Cesar brilha em mais uma atuação instável do Flamengo

Por em abril 22, 2018

TEORICAMENTE, muito TEORICAMENTE, era pra ser mesmo um jogo que, apesar de oficial, teria clima de festa e pouco trabalho para o homenageado da noite de sábado no Maracanã. Acabou tudo bem, mas acabou não sendo bem assim. Julio Cesar teve mesmo que ralar em sua última partida como atleta profissional e ser protagonista da primeira vitória do Flamengo no Brasileirão 2018.

Após os dois gols do Dourado um pouco depois da metade do primeiro tempo, o Flamengo até fez parecer que o domínio seria fácil e talvez até uma goleada viesse para animar a festa do JC. Porém… Porém… No Flamengo cheio de poréns dos últimos tempos parece que nada nunca é fácil. A verdade é que os mineiros, apesar de menor posse de bola (64% x 36%) dominaram as ações efetivas, finalizaram mais e com mais perigo.

A situação faz lembrar um pouco o início do campeonato no ano passado. Naquela oportunidade empatamos na estreia com o Atlético Mineiro. Daí metade da torcida sugeriu suicídio coletivo, e a outra metade ponderou que era um confronto contra um dos supostos favoritos ao título (completávamos o trio decepção junto com o Palmeiras).

Porém… Porém… (lá vem mais um), a não ser que o América Mineiro corrobore uma boa atuação no campeonato baseada na sua estreia (goleada no Sport), o que é extremamente improvável, a verdade é que passamos dificuldade para arrancar os três pontos em outro jogo contra a turma que tem cara de potencial Z4.

Segundo o Barbieri declarou na coletiva, o Flamengo esteve “sempre no controle do jogo”. Hmmmm… Apesar de ser de forma assumida um ignorante tático-estratégico, não foi exatamente o que me pareceu. Na maior parte do tempo o time me pareceu tão perdido quanto nos últimos jogos, com pouco poder de criação, com a bola chegando pouco (quase nunca) no Dourado, e com absoluta dependência de lampejos individuais do Paquetá e do Vinícius Jr.

Vi gente comemorando ter razão, baseado em nada, no fato da vitória ter sido conquistada sem a presença dos criticados Diego Ribas e Everton Ribeiro. Por mais que eles estejam apresentando um futebol abaixo do esperado, basta dar uma conferida no desempenho dos escolhidos para as vagas (Arão e Geuvânio), pra perceber que ruim com a dupla titular, pior sem ela.

Após a decisiva partida do meio de semana, nosso compromisso pelo Brasileirão mais uma vez é contra adversário pré-julgado como sério candidato ao rebaixamento. Vamos observar. Apesar de que… Nós teremos a ida até a Colômbia como desculpa para um possível cansaço e desempenho abaixo do esperado (a gente espera?).

Hoje era dia de agradecer ao Julio Cesar pelo conjunto da obra como jogador e torcedor do Flamengo. Acabou ganhando um merecimento plus.

Obrigado, Julio Cesar, pela nossa primeira vitória no Brasileirão.

Bora torcer.

Isso aqui é Flamengo.

PETISCOS

. ARAME LISO. 64 x 36 na posse de bola pra gente, e 14 x 16 nas finalizações pra eles mostra o quanto isso aí é verdade.

. GOL DE PÊNALTI TAMBÉM É GOL. Engraçado como parte da imprensa (e até da torcida) parece querer diminuir o mérito do Dourado quando ele marca em penalidades máximas. Trecho de uma matéria no GE… “Dourado com dois gols – um deles de pênalti – garante vitória sobre o América-MG”.

. OITAVAS DEFINIDAS. Comentário maldoso que fiz lá na Filial Audiovisual: “Nosso adversário na Copa do Brasil é a Ponte. Na Sul-Americana AINDA não temos definição do confronto”.

. BOTECO INTERDITADO. A Filial Audiovisual original está temporariamente em obras. Precisando de uma ajuda do povo lá do GE para reativar. Vamos observar. Temporariamente os vídeos estão indo para o Canal Boteco do Flamengo II.

MESA DA ARCOIRIZADA

. DANÇA DA GUERRA. E pensar que toda a confusão em São Januário na final sub-20 da Taça Rio começou por causa de uma simples dancinha. Clima quente para Vasco e Flu da categoria no próximo sábado nas Laranjeiras.

. MENSAGEM SUBLIMINAR. Hmmm… Duas rodadas e outra vez o Botafogo fecha a tabela jogando na noite de segunda. Muito sugestivo.

MESA DA VODKA

. LEVANTA-TE E JOGA. Neymar abandonou as muletas.

MESA DA JOGATINA

. OBRIGADO, JULIO CESAR. Goleiro retribuiu bem a todos os cartoleiros (estou nessa) que fizeram uma homenagem escalando o cara no Cartola. 14 pontos marcados.

Colem nas redes, Urubus, UruBoas e Antis

https://twitter.com/sorinmercio

https://www.facebook.com/mercio.querido

https://www.facebook.com/BotecoDoFlamengo/

https://www.youtube.com/botecodoflamengo

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.