Google+

O Flamengo em uma nova era

Após seis anos… chegou ao fim a era azul” do Flamengo

Por em dezembro 9, 2018

Após muitos anos tendo que conviver com essa cor (que em nada tem a ver com o clube Mais Querido do Brasil), finalmente o Flamengo e sua torcida podem aspirar novamente os bons ares que a cores Vermelha e Preta trazem a esse bonito clube esportivo.

Embora muitos achem que pagar boletos e ganhar prêmios alternativos (vídeo game, Twitter, Internet, “Transparência”, etc…) sejam o suficiente para manter a “roda girando”, é fato que o que mantém o Flamengo de pé e expandindo cada vez mais a sua marca no Brasil e no mundo, é o futebol do clube.

Uma boa gestão administrativa é essencial. Porém, o Flamengo é um Gigante que se alimenta de títulos. Logo, levantar canecos e vestir dezenas e dezenas de faixas de campeão, é fundamental.

A chapa roxa (antiga chapa verde) foi a vencedora da eleição desse ano. E embora tenha feito uma oposição muito fraca durante esses últimos três anos, os “caciques” da “chapa azul raiz” obtiveram sucesso ao convencer a maioria dos sócios do Flamengo que o projeto da chapa roxa era o melhor. E com isso, venceram as eleições de 2018 com uma boa folga de votos em relação a chapa de situação (que ficou na segunda colocação).

Com um mantra de que todos eles são empresários de sucesso e que por conta disso, o Flamengo subiria de patamar caso a chapa roxa chegasse ao topo mais alto da gestão do clube, os roxos terão a oportunidade de continuar o ciclo planejado por eles, lá dos idos de 2012. E dessa vez, sem nenhum tipo de trairagem (termo exaustivamente entonado pelo grupo verde durante a eleição de 2015).

Portanto, agora não há desculpas para possíveis  fracassos. Afinal de contas, o clube possui um orçamento anual que só cresce a cada temporada. Logo, dinheiro não falta. O que anda em falta lá na sede do clube, é a competência para gerir o futebol do Flamengo de forma competente e meritocrática.

E essa questão será exaustivamente cobrada pela torcida do Flamengo no triênio 2019-2021. Chega de fracassosincompetência e melancolia. O que a torcida do Flamengo almeja, é comemorar títulos e gritar “É CAMPEÃO!”.

Outro item tão importante quanto conquistar títulos no futebol, é o resgate do Rubro-Negrismo e a interação torcida do Flamengo-Clube. Afinal de contas, muitos(as) torcedores(as) passaram a idolatrar (PQP!!!) cores, dirigentes, chapas e grupos políticos do Flamengo.

Enquanto o Flamengo perdia em campo, “mitos” eram exaltados em profusão. E em virtude desse tipo de atitude, o Rubro-Negrismo era chutado sem dó nem piedade para bem longe das tradições do clube. E um cenário como esse, infelizmente não é revertido do dia para a noite. Penso que será necessário um trabalho Hercúleo do DP de Marketing e do DP de Comunicação do clube para recuperar esse tempo perdido.

Particularmente, eu não abro mão do resgate do Rubro-Negrismo.

Pode se faturar anualmente 1,2,3 bilhões por ano ou até mesmo, construírem o estádio mais lindo do mundo, mas… sem o Rubro-Negrismo pulsando no clube e no coração da torcida do Flamengo, todo esse trabalho será em vão.

Há tempos, eu acredito que o Flamengo precisava voltar aos trilhos. O clube precisa resgatar o objetivo de existência, que é satisfazer a imensa torcida do Flamengo. Porém… não existe apoio incondicional a nenhuma chapa política do clube.

O meu apoio é e sempre será ao Flamengo. Penso que todo e qualquer torcedor do Flamengo tem todo o direito de apoiar toda e qualquer chapa eleitoral que venha pleitear a gestão do Flamengo. Afinal de contas, vivemos em um país democrático.

Entretanto, acho pitoresco as pessoas colocarem as suas chapas favoritas acima do bem comum a toda Nação Rubro Negra, que deveria ser a felicidade e o sucesso do Clube de Regatas do Flamengo.

De minha parte, a cobrança continuará diariamente. Seja através das minhas palavras, nesse site Rubro Negro ou na arquibancada em dias de jogos do Flamengo (sempre de forma pacífica).

Se a gestão fizer algo bom para o clube e para a torcida do Flamengo, a mesma será passível de elogio. Agora… se fizerem merda, a gestão será criticada de forma propositiva.

Aliás… desde o primeiro dia dessa nova gestão do Flamengo, eu cobrarei intensamente TODAS as perguntas descritas no meu pedido aberto de entrevista com os candidatos a presidente do Flamengo em 2018.

Caso você não tenha lido ou não esteja se lembrando quais foram esses questionamentos feitos por mim, clique  aqui.

TODAS as questões lá propostas, serão cobradas até o último dia do triênio 2019-2021. Aqui não tem camaradagem e nem passada de mão na cabeça. O Flamengo SEMPRE virá em primeiro lugar.

Chega de relativização. Aliás… ano mágico é o caralho! O que o Flamengo precisa de verdade, é voltar a ser campeão de títulos relevantes (em especial… no futebol).

Até porquê, o lema do Mais Querido do Brasil sempre foi:

Vencer! Vencer! Vencer! 

Uma vez Flamengo, Flamengo até morrer.”

 

Abraços e até a próxima!

 

** E aí, gostou do conteúdo? Então me siga Twitter através do endereço @t_nascimentorj e deixe a sua sugestão, crítica ou elogio.

 

Saudações Rubro Negras.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.