vasco flamengo carioca estadual futebol 2019

Flamengo põe em risco longo tabu e vai criando um hábito perigoso

FLAMENGO DO OITO OU OITENTA

1988… Bora repetir. 1988!!!

Desde longínqua data não sabemos o que é perder final pros Desidratados de São Januário. Esse que redige por aqui ainda era um molecote. Nem ao exército tinha se apresentado, e viu de geral (pra poder ir de arquibancada ao outro Fla-Vas, que acabou não acontecendo no domingo) o gol do Cocada.

Abel, o maior responsável por esse atual projeto cheio de exageros no revezamento dos atletas, dividiu o ano em questão entre seu sexto e sétimo times como técnico, Santa Cruz e Internacional. Hoje já são mais de 20 no currículo. E pelo jeito ainda não aprendeu algumas coisas.

Pra tarde de hoje, vamos vivenciar outra vez a fantasia da era DisneyLandim de que temos elenco para dois times. Inclusive poupando o DIEGO ALVES em jogo que pode ser decidido nos PÊNALTIS, um cara que o máximo que correu na quarta foi aquele avanço até a área tricolor faltando ainda 6 minutos de jogo no cronômetro. Inclusive também trocando Gabigol, JÁ POUPADO NA QUARTA, pra botar o Uribe em campo.

vasco flamengo carioca estadual futebol 2019

Bem… Revendo… Se a responsa de balançar as redes lusitanas é do Uribe, (e tomara que ele me esturrique a língua) então na verdade tanto faz o resto.

Não que o jogo valha muito mais na prática que a Taça Rio, o troféu em si. Mais um  pra ajudar a abarrotar nossa sala já tão repleta na Gávea. Na verdade pode até facilitar nossa vida no Estadual caso a gente perca. Se é que dá pra medir e escolher com certeza se fluminenCe ou Bangu é o mais fraco.

Mas enfim… Tabu de 31 anos contra o maior rival do estado não é algo pra se jogar fora de bobeira. Fora o perigo maior… Esse hábito de mandar equipe reserva 100%, que vai acabar se repetindo em algumas das 38 decisões do Brasileirão… E a gente já sabe como acaba isso.

Do lado de lá… Do lado de lá… O Vasco vive uma relação meio conturbada com a torcida após algumas más apresentações. A derrota pro Bangu no sábado, e a vitória magra com postura recuada na quinta sobre o mesmo adversário, ligaram de vez o alerta após a lua-de-mel enganosa de início de temporada. Max Lopez continua fora, mas o garoto Tiago Reis vem dando conta do recado.

Inclusive, na humilde opinião de Pai Sorin de Ogum, mantida desde o início desse tumultuado campeonato, Flamengo e Vasco decidirão o Estadual de 2019.

Se nessa hora também iremos com os reservas e a ideia básica, elementar, óbvia e ululante, de fazer um TIME MISTO será descartada, só o futuro (na verdade só o Abel) dirá.

Bora monitorar o coração.

O do Abel e o nosso.

Isso aqui é Flamengo.

 

PETISCOS

. ATROPELO. O retorno da garotada sub-15 aos jogos, na estreia do estadual da categoria, teve “apenas” o placar de oito a zero sobre o Bangu.

. FICA, ABEL. Os médicos não recomendaram, mas Abel vai assistir o Clássico pela TV. Com essa escalação, o melhor seria já ficar direto no hospital pra garantir. Se tiver vaga eu tô dentro.

. SEM BUROCRACIA. Interessados em gerir o Maracanã pelos próximos 6 meses, devem apresentar proposta oficial até 4 de abril… E o resultado já sai no dia seguinte.

. PASSO MAIOR QUE A PERNA. O fluminenCe não paga nem o salário dos jogadores. O público tricolor pagante nunca é suficiente. Então… Caudiquê o interesse em administrar o estádio? A não ser que o projeto seja achacar o Flamengo que nem a Odebrecht.

MESA DA ARCOIRIZADA

. CONSTRANGIMENTO. Caso o Vasco saia vencedor da peleja de logo mais, prevejo comemorações histéricas, nível conquista de Mundial, nas redes sociais. Vamos observar.

. MACONHA DA BOA. Semana passada foi o Erik, agora o Gatito assinou embaixo e, apesar de jogar no Botafogo, falou uns trecos sobre conquistar títulos de expressão. O que podia ser de volta olímpica no ano já se foi, com a eliminação no Ferjão.

. TORCENDO PRO INIMIGO. Nossa relação com a Pobrez… Ops.. Com a Nobreza do Laranjal esse ano tá de um sadismo só. Vão ter que torcer pra gente… Só pra depois levar na cara outra vez.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.