NA WEB
    Google+

    Flamengo tem dia decisivo na Libertadores

    Por em maio 8, 2019
    penarol flamengo libertadores 2019

    QUE VENÇA O MELHOR

    É isso aí. E o melhor é o Flamengo.

    Finalmente chegou o dia. Demorou uns 10 meses pra chegar, após aquela derrota para a LDU lá no alto do morro.

    Agora é esperar as horas passarem lentamente e curtir aquela primeira e desnecessária tensão antes da bola rolar. Sim. Porque no futebol eu sou muito mais a gente, mas antes disso, tem a pré-decisão, aquela que ocorre no misterioso lugar que fica entre as duas orelhas do Abel.

    Vai ser cada jogador no seu lugar? Vai ter salada de troca de posições lá na frente? A instrução será “bora jogar bola”? Ou será “o empate é nosso”? Só logo mais pra saber. Aqui no BoTTeco apostamos em mais uma vez de Gabigol trocado com Bruno Henrique, Arrascaeta aberto na esquerda, e ER mais pra meiúca. Discordamos disso tudo aí, mas é o que deve rolar.

    Fonte “nóis num tem”, mas ouvimos no rádio que na quinta tem reunião na Gávea entre os patetas azul-verde-roxo-rosa. O circo decidiria o futuro do Abel independente do resultado. Parece que virou um cabo de guerra político interno entre os paspalhos de terno e gravata.

    penarol flamengo libertadores 2019

    Do lado de lá… Do lado de lá… O Peñarol não passa da fase de grupos há oito anos. Só a vitória interessa aos uruguaios. Mesmo porque o San José, em teoria, deve tomar uma coça da LDU no Equador. O time vive bom momento, inclusive na liderança do Uruguaianão (ok… Líder do Uruguaio deve ser que nem a “boa fase” do Botafogo após vencer Bahia e Fortaleza) e com Clássico contra o Nacional no próximo fim de semana. O experiente Cristian Rodriguéz, ex-Grêmio, comanda a promissora mistura de garotos e jogadores mais cascudos por lá.

    Climão do lado de fora, por conta da confusão em Copacabana no jogo daqui. Esquema de segurança modificado, escolta para os rubro-negros, e DISCURSO de que não haverá nenhum tipo de retaliação. Bem… Isso aí não deve funcionar muito bem se a gente estiver em vantagem no jogo, que por sinal é exatamente como começamos assim que o juiz apitar o início da partida… Ou seja…

    A delegação do Flamengo teve dois reforços. Um bacana e um curioso. O primeiro, Leandro, ídolo eterno da Nação. O segundo, Rubens Lopes, presidente da FERJ (???!!!). Além de achacar o Flamengo durante todo o Carioqueta com as taxas esdrúxulas da Federação, ainda pega essa aba aí. Dizem que ele tem boa relação com uns sujeitos lá da Conmebol  (explica muita coisa). Vai ver é isso.

    Bem… Se o Abel não atrapalhar muito, e se os jogadores não nutellizarem, coisa que fizeram muito pouco na temporada, a bem da verdade, dá pra carimbar esse passaporte pras oitavas sem susto.

    Bora classificar.

    Isso aqui é Flamengo!

    Leave a Reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.