RODADA 7: REGULARIDADE QUE IMPRESSIONA DE PALMEIRAS E VASCO

A disputa da sétima rodada do Brasileirão começou na tarde de sábado pelo prato principal.

Enquanto meia dúzia de pessoas acompanhava a modorrenta partida entre Liverpool e Tottenham, a maioria se deu bem vendo o futebol vistoso do Flamengo passando o carro sobre o Campeão da Lampions League. O placar só não foi elástico porque, pra dar emoção, o rubro-negro criou uma regra para esse jogo de que só valia gol humilhante.

Na noite do mesmo sábado, enquanto a gente aguardava o Grêmio decolar, promessa do Renato Gaúcho, o tricolor continuou  firme e forte no Z4. Dessa vez o algoz foi o Baêa que, com a vitória magra com gol de pênalti, que também vale três pontos, surpreende com uma boa campanha de início de campeonato, aparecendo na parte alta da tabela.

Onze da “noite” de domingo, ao amanhecer, Clássico das Trevas entre Botafogo e Vasco. Cada um foi melhor em um tempo do jogo. Ruim pros dois. Mais uma derrota pro Vasco… E a preocupante situação para o futebol barroco de General Severiano: se conseguiu ser PIOR QUE O VASCO pela eternidade de 45 minutos, tem alguma coisa muito errada.

Três jogos no horário nobre da rodada. O Santos estragou a festa de aniversário de 105 anos do Ceará. Foi lá cheio de desfalques e MESMO COM O REFORÇO DO URIBE, que teve (adivinhem) atuação apagada, arrancou os três pontos. Ao mesmo tempo, São Paulo e Cruzeiro ficaram em empate não satisfatório pra ambos, e o convidado do campeonato, o fluminenCe, tomou uma bela bordada do Athletico em Curitiba.

Sem surpresas no horário saideira de sete da noite de domingo. O Inter bateu o Avaí, apesar de ter jogado mal no primeiro tempo. O Galo detonou o CSA em Minas e… Zzzzzzzzzz… O Palmeiras ganhou mais uma, dessa vez sobre a Chapecoense. Além de acumular longa sequência sem derrota, a vitória por 2 x 1 quebrou um jejum de OITO jogos sem sequer levar gol dos comandados do Felipão. Não sei se é cedo pra isso… Mas tá com cara de que o alviverde vai europeizar a disputa desse ano, se é que vocês me entendem. Vamos observar.

Nove jogos na rodada? É que o décimo, entre Corinthians e Goiás foi adiado. Os paulistas tinham uma decisão na terça pela Copa do Brasil e precisavam descansar. Como foram eliminados, terão mais tempo ainda para o descanso.

Na próxima rodada tem jogo proveitoso pra gente entre Atlético Mineiro e Santos, os dois que estão imediatamente à nossa frente.

CARTOLA FC

Os 12 iniciais do Nosso Flamengo somaram 88.74 no game. Média ótima de 7.39. O maior pontuador, óbvio, Gabigol (17.90). O menor foi Léo Duarte com 2.50.

COLA NAS REDES

Facebook e Instagram: Mercio Querido

Twitter: @sorinmercio

mercioquerido@gmail.com

Flamengo faz boa exibição, sai outra vez sem levar gols, e encaminha excelente primeiro semestre

Li por aí em algum canto uma análise na qual foi dito que o Flamengo da noite dessa terça não jogou tão bem como contra o Fortaleza.

Poooorrrraaaa… Bora respeitar a opinião “duzotro”, mas comparar o desempenho da equipe contra o Fortaleza pós ressaca de conquista da Lampions, com o de jogo de mata-mata de Copa do Brasil contra o Corinthians é, no mínimo, um pouco forçado.

Jogo equilibrado o de ontem. O Corinthians inclusive surpreendeu com a forma como se lançou ao ataque em vários momentos do jogo. Acredito que a torcida deles tenha apreciado. Mostrou que a, dá até pra dizer, certa modorrência estratégica do fecha-a-casinha-e-tenta-achar-um-gol, pode sim apresentar variações de acordo com a necessidade.

Foi um jogo interessante e que merecia até um placar com mais gols. A humildade do 1 x 0 se deve muito às boas participações do Cássio, do Diego Alves, e também das traves, que estavam em noite pra lá de inspirada.

Sou um embuste, um ignorante tático (esse termo é do Muhlemberg) convicto, que acintosamente escreve sobre futebol desde 2010. Quase uma década!!! Porém… Porém… Ao ver/ouvir as costumazes críticas ao Arão durante a peleja, mais uma vez achei um tanto quanto exageradas.

Mais discreto e pouco aparecendo lá na frente. Como já confessei minha “ingnorânsia”, só me resta acreditar no Marcelo Salles, que afirmou após o jogo que a ocorrência (raridade na temporada) de dois jogos sem levar gol, se deve a uma segurada maior do volante pra dar uma consequente liberdade para os homens de frente.

Vem aí a prova dos nove. Se o Jesus optar pela manutenção do Arão na equipe, TALVEZ seja hora dos críticos mais ácidos darem uma amenizada na quase perseguição.

De resto acho que todo mundo foi bem. Mesmo com o susto que nosso goleiro nos deu com meio segundo de jogo. O Corinthians ofereceu perigo várias vezes? Sim. Mas acho que tem que ser assim, né? A gente não tava jogando contra o CSA ou o Vasco, por exemplo. Nós também fizemos o outro lado roer as unhas de nervoso em várias oportunidades durante o jogo.

Mais um gol de Rodrigo Caio que, além de dar conta do serviço lá na cozinha, no quesito artilheiro, vai encaminhando um desempenho bem superior aos dos seus tempos de São Paulo.

Taí… Quase fechando a tampa do primeiro semestre. Faltando apenas dois jogos, contra times pequenos, antes do advento da Era Jesus. Copa “Mick” (pro Cacau Cotta não dizer que eu não sou Flamengo), Taça Rio, Estadual, boa colocação de momento no Brasileirão, quartas da CB e… Posso ostentar? Contando com um sorteio camarada na Libertadores, praticamente nas quartas dessa também.

Mais uma sorte ter essa parada pra Copa América. Tempo bom pro Messias chegar e trabalhar a equipe para o que ele acha que seja o ideal. O segundo semestre, é claro, é mais duro, mas promete.

Bora vencer FLA-flu

Isso aqui é Flamengo.

COLA NAS REDES

Facebook e Instagram: Mercio Querido

Twitter: @sorinmercio

mercioquerido@gmail.com

Jogo 3 AC: Flamengo encara equipe de Jorge antes da chegada de Jesus

Jesus x Jorge

A chegada de Jesus, enfim, após séculos de promessas do cristianismo, tem dia e hora marcada. O novo técnico estará no Maracanã no domingo para observar seus futuros comandados no Clássico contra o fluminenCe.

Antes disso, na noite de hoje, pegamos o Corinthians na luta por uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil. Vaga que prepara o terreno e deixa o horizonte mais azul para o início dos trabalhos do gajo em terras tupiniquins.

Não poderemos contar com os gringos Arrascaeta, Cuéllar e Trauco na batalha. Todos convocados por suas seleções para a Copa América. Apesar disso, em relação à última partida, temos o retorno de Bruno Henrique e Renê. Botando tudo isso na balança, o saldo é negativo, mas nem tanto.

Do lado de lá… Do lado de lá… O Corinthians não jogou no final de semana. Afinal de contas, com embate decisivo na terça, a CBF adiou o jogo dos paulistas contra o Goiás pelo Brasileirão (ué???!!!). Cássio e Fágner, convocados pelo Tite para a disputa da mesma Copa América que os nossos gringos participam, tiveram sua apresentação adiada (ué???!!! – parte 2) pela organizadora do futebol nacional.

Apesar do maior talento de bastidores do lado de lá ou qualquer outra coisa que influencie nesses paranauês, o lateral açougueiro está lesionado e não veio para o Rio. Outros desfalques da gambazada: Mateus Vital e Pedrinho na sub-23; Everaldo e Matheus Jesus, que já jogaram na competição por outras equipes.

Apesar de precisar correr atrás do prejuízo após perder o primeiro jogo no Itaquerão, não dá pra acreditar em um Corinthians partindo pra dentro buscando o resultado que precisa. Talvez, no máximo, uma postura agressiva fake nos minutos (ou talvez até segundos) iniciais. Já faz tempo que o alvinegro paulista não é disso. Tendo inclusive conquistado títulos com seu estilo casinha fechada e esperando “aquela bola” no contragolpe.

E se o papo é retranca, guardadas as devidas proporções de qualidade, já fizemos um bom ensaio contra o Fortaleza no sábado. Troca de passes rápida pra encontrar a falha no muro. E se der certo na noite de hoje… Bom caminho para a resolução de um de nossos maiores problemas na temporada: usar a bola aérea como único recurso na hora de enfrentar equipes com a tônica nas estratégias defensivas.

Bora classificar.

Isso aqui é Flamengo.

PETISCOS

. RELIGIÃO. Além de Jesus, vem no pacote o auxiliar João de Deus. Assim a gente vai acabar parando de comercializar ingressos e passar a sacolinha de oferta no intervalo do jogo.

. ATIVIDADE RAIZ. Quem se incomoda com o inevitável e marcante uso do celular nos estádios durante os jogos, vai poder presenciar nos próximos meses outro “fator distração” nas arquibancadas. Tendência para imensa e constante troca de figurinhas repetidas entre os colecionadores do belíssimo álbum lançado com a história do Nosso Flamengo.

. REFORÇO DE VERDADE. Com a saída de Uribe (Flamém!!!), Jorge Jesus será consultado sobre a possibilidade/necessidade de contratar um novo atacante. Nem sei quem e se vem, mas a troca é vantajosa. Só pode ser.

MESA DA ARCOIRIZADA

. Judiar desse povo hoje não. Derrota do fluminenCe, derrota do Vasco, e vitória do Botafogo que, ainda assim, viu o time do Pofexô ser melhor durante boa parte do Clássico. Fora isso tudo… Ainda têm que dormir tarde hoje pra ver jogo do Flamengo. Nós temos Jesus, mas a via crúcis dos caras tá de dar pena.

COLA NAS REDES

Facebook e Instagram: Mercio Querido

Twitter: @sorinmercio

mercioquerido@gmail.com

Flamengo bate o Campeão da Lampions e aguarda o da Champions

VEM, MEU VICE!

Foi molezinha. Um mamão com açúcar daqueles. O Flamengo não tomou conhecimento da frágil Fortaleza de Rogério Ceni e arrancou os três pontos sem sustos, pavimentando os caminhos para o início dos trabalhos de Jorge Jesus.

Retranca previsível do adversário, e a expectativa de “nóis tudo” era de mais um festival de cruzamentos lotéricos pra área do oponente… Dessa vez não.

Como Nosso Flamengo é dado ao 8 ou 80,  a tônica era fazer gol de PES no Playstation (FIFA e X-Box ninguém merece). Toca daqui, toca dali, um calcanhar acolá, corta-luz, muita categoria para envolver e furar a retranca. Talvez um pouco mais de “clareou chutou” pudesse ter construído um placar mais elástico. Mas tá de bom tamanho.

Diego, Arrascaeta, Everton Ribeiro, Gabigol. CLARO que dá pra quem sabe jogar bola jogar junto. Pô… Já teve momento da nossa história (e muitos!!!) que a gente teve que aturar cada combinação de tralhas recheando o Manto que é bom nem lembrar.

Palmas também para o bom senso envolvido na escalação. Não é prudente botar o Bruno Henrique? Manda o gringo pro jogo. Renê não pode correr riscos porque tem decisão na terça? Tasca o outro gringo na lateral. Isso é revezar, e não aquela abominação de trocar 11 de uma vez de um jogo pro outro.

No mesmo horário de Campeão da Lampions x Flamengo, rolou a outra semifinal do Mundial de dezembro lá na Europa. Ironia do destino, vamos ter que repetir o vice. Fazer o que? Se a Champions te deu um limão, faça uma limonada.

E… Infelizmente vou cantar uma pedra aqui. Pela excelente matéria que li sobre nosso novo técnico… Não há de durar muito. Pode anotar e me cobrar depois. O motivo? Vou só citar alguns trechos soltos da matéria e “cês” tiram as conclusões: “intratável”, “exigente”, “detalhista”, “não mede palavras”, “personalidade de confrontos”,  “no vestiário, não é de dar abertura pra muita aproximação”, “é bastante rígido”, “os treinos físicos são bastante exaustivos”, “no trato com a imprensa, às vezes é duro nas respostas”, “chega a ser grosseiro no trato com os jogadores”.

Nossos nutellinhas  (atletas, jornalistas, diretoria e torcida) não hão de aguentar.

Bora eliminar os gambás.

Isso aqui é Flamengo.

Ainda sem Jesus, o “AI, JESUS” quer demolir a Fortaleza da Lampions League

PERDEU, UEFA

Falta de planejamento é uma coisa, né? Não, não estou falando da dinastia Azul-verde-roxo-rosa. Tô falando aqui do povo lá da Europa, que marca a Final da competição de clubes mais importante do continente, sem antes dar um papo na CBF pra não agendar jogo do Flamengo pro mesmo dia e hora.

Vai dar traço de audiência aquele treco lá. Nêgo não aprende. Nessa mesma edição já teve um jogo da Champions sei lá entre quem, porque ninguém viu, tendo a audácia de competir com o Mais Querido, seus milhões de torcedores, e mais os milhões de pobres coitados da Arcoirizada que não perdem um jogo nosso.

Em rodada não muito animadora pelos confrontos que reserva pra quem está na nossa frente, nossa missão é vencer pra não desgarrar do pelotão de elite.

Abel vazou, fazendo a alegria de milhões de torcedores que eram a favor da degola, e de parte da diretoria. Marcelo Salles assume o comando pelos próximos dias e, com toda a autonomia autorizada,  recomendada, e registrada em cartório pelos Azul-verde-roxo-rosa, decretou que time B não vai rolar.

Pelos treinamentos da semana, parece até que há a possibilidade de Diego E Arrascaeta, o debate mais popular de 11 em cada 10 programas esportivos, atuarem juntos desde o início.

 Desfalque certo é Bruno Henrique, com dores no tornozelo e, mesmo se apresentar melhora, corretamente poupado para o jogo decisivo de terça contra o Corinthians. Outro fora do jogo é Renê, já que Trauco foi convocado para a seleção peruana, tem mata-mata da Copa do Brasil em três dias, e seguro morreu de velho.

Do lado de lá… Do lado de lá… O Fortaleza chega meio empolgado e meio bêbado das comemorações pela conquista da Lampions League no meio da semana. Com os desfalques de Edinho e Wellington Paulista, o time comandado por Rogério Ceni está apenas um ponto à frente da zona da confusão.

Após todo o “pranejamento” de início de temporada, quando o povo tinha CERTEZA de que o Abel era o cara a ser escolhido, estamos em um limbo de comando até a escolha do sucessor, que graças à parada do campeonato para a Copa América, terá tempo de fazer o que é uma especialidade do futebol brasileiro: recomeçar o trabalho.

Bora ter paciência.

Isso aqui é Flamengo.

PETISCOS

. TÁ, JÁ ENTENDI. Na declaração do Jesus de que assumir o Mais Querido é a prioridade, nosso provável futuro técnico pronunciou a palavra “Flamengo” trocentas vezes por minuto. Parece que a vontade é grande.

. TREM PAGADOR. Até o Vazião lota quando quem joga é o Flamengo.

. DISSE-ME-DISSE. Abel falou uma coisa, Marcos Braz falou outra… Mas que tá mó cara de que as “orações” da diretoria pra Jesus já começaram antes da saída do Abelão… Lá isso é bem verdade.

MESA DA ARCOIRIZADA

. TOM & JERRY. Após protagonizarem patéticos episódios por causa do setor Sul do Maracanã, lá vai o Vasco construir CT (não sei com que dinheiro) ao lado do tricolor.

. HUMILDADE. Completando 100 jogos pelo Botafogo, Gatito proferiu: “penso que todos os anos têm que ser como 2017”. É.. Há grande possibilidade. Não ganhar nada é hábito do clube.

. FIM DE FESTA? Brenner, reforço do fluminenCe vindo do São Paulo, disse que “é uma chance de RECOMEÇO na carreira”. O cara tem DEZENOVE anos.

PROGNÓSTICOS (provavelmente errados) DA RODADA 7

Acertamos outra vez patéticos 3 de 10 na rodada 6.

FLA x FOR… Óbvio

BAH X GRE… Dá Baêa

BOT x VAS… Dá chororô

CEA X SAN… Vitória santista

SAO X CRU… Dá São Paulo

CAP X FLU… Dá Athletico

INT X AVA… Cokorado

CAM X CSA… Vitória mineira

CHA X PAL… Fazer o que? Dá Palmeiras, né?

COR X GOI (adiado)