Arquivo da tag: PATROCÍNIO

Carabao ganha espaço e Kleber Leite pode ser suspenso do Flamengo

A principal logo da Carabao, patrocinadora do Flamengo desde janeiro e que pagará R$ 190 milhões ao clube em seis anos, entrará no uniforme rubro-negro ainda em 2017. Se nas duas mangas havia apenas a inscrição do nome do energético, agora o touro que simboliza a bebida entra em ambas também. Em um dos lados, é exibido na parte frontal. No outro, posiciona-se nas costas. A aplicação do escudo foi aprovada em reunião do Conselho Deliberativo ocorrida na terça-feira.

Em 2018, o touro da Carabao vai para a área mais nobre da camisa do Flamengo, tornando-se a partir de então patrocinador master do Rubro-Negro. Ainda na atual temporada, o nome do energético ganhará um contorno mais forte na cor preta dentro das mangas.

Terceiro uniforme para 2018 aprovado

Na mesma sessão, foi aprovado o terceiro uniforme para a temporada 2018. O que será utilizado ainda este ano foi desenhado por torcedores em concurso promovido pela Adidas, fornecedora de material esportivo do clube, em julho do ano passado. De cor amarela, será lançado em 21 de julho de 2017. O modelo vencedor da disputa não foi divulgado.

Em 2018, o terceiro uniforme do Flamengo será azul, e o design será padrão para Real Madrid, Bayern Munique, Manchester United, Juventus e AC Milan, integrantes do “Top Five Teams da Adidas”. O desenho gerou controvérsias por ter sido considerado nada convencional.

Kleber Leite será julgado pelo Conselho de Administração do Flamengo

Outra pauta discutida na noite de terça-feira foi a respeito do pedido da abertura de inquérito contra Kleber Leite por conta da disputa judicial entre Flamengo e Consórcio Plaza. No ano passado, o juiz Siro Darlan, benemérito do Fla, e outros conselheiros cobraram que Eduardo Bandeira de Mello entrasse com uma ação de regresso a fim de responsabilizar Kleber por ter feito uma dívida que custou R$ 61,5 milhões aos cofres rubro-negros – tal débito já foi finalizado.

O Conselho Diretor do Flamengo se aconselhou com advogados do clube e achou por bem desistir da ação, já que as contas de Kleber Leite no período entre 1995 e 1998, anos em que presidiu o Rubro-Negro, foram aprovadas. O entendimento é o seguinte: se não sofreram restrição à época, como cobrar posteriormente? Assim, tal ação regressiva foi descartada.

flamengo kleber leite

Foi deliberado na terça-feira que Kleber Leite terá de responder ao Conselho de Administração por ter assinado contrato com o Consórcio Plaza, que construiria um shopping na sede rubro-negra, diferentemente do que propunha. O ex-presidente afirma que recebera uma doação no valor de R$ 6 milhões do consórcio, mas advogados do Plaza contestam tal afirmação.

À época, o Conselho aprovou a doação, mas no clube há a versão de que Kleber assumiu uma dívida após ser chantageado.

Kleber será julgado pelo Conselho de Administração. Será apurado se tem responsabilidade ou não na assinatura de acordo que provou-se lesivo ao Flamengo. Inicialmente o processo pode culminar no máximo em suspensão.

GE

Tim deve renovar com o Flamengo

Botafogo, Vasco e Fluminense terão novo patrocinador a partir de 2017. Nos próximos dias, os clubes vão anunciar acordo com a TIM, empresa de telecomunicações que estampará a marca nos números das camisas. O acordo é parecido com o do Flamengo – a parceria, aliás, está em vias de ser renovada com o Rubro-Negro.

TIM amplia parceria com Flamengo

O valor da cota de patrocínio não será revelado pelas partes, porém, gira em torno de R$ 1 milhão – o acordo deve ser de um ano. A negociação começou em novembro do ano passado e levou tempo por envolver a necessidade de acerto com diversas partes. Com o Flamengo, a conversa trata da ampliação do contrato da TIM por mais um ano – ele encerra em abril e rende, por ano, cerca de R$ 4 milhões.

tim flamengo

Ainda em busca de um patrocínio master, o departamento de marketing do Flu fechou a negociação com a TIM e segue no mercado atrás de outras oportunidades. Se a quantia acertada com a empresa é mantida em sigilo, uma pessoa ligada à diretoria garantiu que o valor é bom. Recentemente, o Tricolor encerrou conversas com a Caixa por entender que os R$ 11 milhões/ano oferecidos pelo espaço principal da camisa estavam abaixo do valor da marca. O espaço no número das camisas estava vago desde a saída da Voxx Suplementos.

Na sexta-feira, o Vasco deu passo importante em outra negociação com patrocinador. O presidente Eurico Miranda almoçou com representantes da Caixa em São Januário e  encaminhou o acordo de renovação do patrocínio até dezembro. O Vasco queria R$ 15 milhões, mas as partes chegaram a um meio-termo: R$ 10 milhões.

O Botafogo, no mês passado, anunciou acordo com a Ordenext.com, empresa que busca facilitar a comunicação entre clientes, empresas e profissionais autônomos, até o fim da temporada. A estampa a barra da camisa, nas costas. O Alvinegro também é patrocinado pela Caixa.

GE

Atlético-MG sugere ‘favorecimento’ ao Flamengo em parcelamento de dívida

ESPN – Um dos principais motivos da insatisfação do Atlético-MG com a Procuradoria Geral da Fazenda é o tratamento concedido por ela e outros órgãos ligados ao Governo ao Flamengo. A análise da diretoria alvinegra é de que as autoridades resolveram com muito mais rapidez a situação do clube carioca e ainda “estenderam um pouco mais a mão” com o patrocínio da Caixa Econômica Federal.

“Queremos apenas que o Governo pratique com o Atlético-MG o mesmo que já praticou com outros times, especialmente o Flamengo, que teve acesso a diversas vantagens, dentre elas, um contrato de R$ 25 milhões (com a Caixa) à vista que veio na esteira do parcelamento”, critica o diretor jurídico Lásaro Cândido da Cunha, ao blog.

“Não estamos atrás disso. Queremos apenas que se conceda um parcelamento respeitando as garantias, as melhores até hoje fornecidas por qualquer equipe, um centro comercial que assegura várias vezes mais o valor da dívida”, completa.

O presidente Alexandre Kalil teve uma reunião nesta segunda-feira para tratar do assunto em Brasília. Um acordo ainda não foi alcançado, mas se estabeleceu um linha de contato para avançar nas conversas.

23mai2013-parte-frontal-do-novo-uniforme-do-flamengo-1369379836029_615x300

FLA INICIA CONVERSAS PARA RENOVAR PATROCÍNIO


Flamengo-Cruzeiro-Elias-Sergio-LANCEPress_LANIMA20130829_0005_54LANCE! – O Flamengo começou a negociar neste início de ano a renovação de contrato de patrocínio com a empresa de telecomunicações Tim. O atual vínculo, que rende ao clube em média R$ 3 milhões por ano, foi assinado em abril de 2011 e é válido por três anos. A prorrogação do acordo deve ser até o fim de 2015.

Não haveria mudança em relação ao local em que a marca da Tim aparece no uniforme – atualmente, ocupa o número nas costas. Os valores ainda estão sendo discutidos entre as partes, que esperam ter uma definição até o próximo mês, visando a dar tempo hábil ao Conselho Deliberativo que precisa convocar uma reunião para aprovar o acordo.

Além da Tim, outro contrato de patrocínio do Flamengo que está chegando ao fim é o da Caixa. O atual patrocinador master rubro-negro tem vínculo até maio deste ano e rende ao clube R$ 25 milhões. Neste caso, a negociação pela renovação do vínculo ainda não se iniciou. Vale destacar, porém, que há nos termos atuais uma cláusula de prorrogação automática por uma temporada com o banco estatal.

BAP EXPLICA AUSÊNCIA DE PATROCÍNIO NA MANGA


20130121160019_586LANCE! – Há um ano de gestão à frente do Flamengo, o vice presidente de marketing Luiz Edurardo Baptista teve um papel importante nas decisões tomadas pela diretoria rubro-negra em 2013. Mesmo com o contrato feito com a Caixa e a Peugeot, a manga ficou sem patrocinador. E de acordo com o contrato com a Adidas, o local não poderá ser ocupado neste ano. LEIA MAIS…